Smartphone já é o dispositivo mais utilizado para jogos no Brasil

Smartphone já é o dispositivo mais utilizado para jogos no Brasil

Mais de 9 em cada 10 usuários de smartphones no Brasil jogam em seus smartphones de acordo com pesquisa realizada pela Blend New Research e pela Sioux em janeiro de 2015. Quase 6 em cada 10 “jogadores digitais” brasileiros eram homens em 2013, este ano, os homens representavam apenas uma pequena maioria, 52,9%.

dispositivos-usados-para-jogar

Entre os usuários de smartphones no Brasil com idades entre 14 e 84 que se declaram “gamers”, o dispositivo mais utilizado é o smartphone, com 82,8% dos jogadores. São significativos 26 pontos percentuais a mais do que os entrevistados que utilizam consoles e mais de 11 para os que utilizam PCs.

O grupo de entrevistados indicaram que jogar é sua atividade mais comum no smartphone. Mais de 90% desses usuários que jogam consideram que jogam mais que usam as redes sociais, baixam aplicativos, assistem vídeos ou escutam música.

Evidentemente entre estes usuários a categoria número 1 entre aplicativos baixados é a de Games, mais de 20% à frente dos aplicativos de Entretenimento e mais de 32% à frente de apps de Fotos ou de Comunicação.

Apesar de quase dois terços dos entrevistados relatarem estar abertos para receber anúncios em troca de jogos gratuitos, quase o mesmo percentual entendem que estes anúncios interrompem os jogos. Desde 2013, os entrevistados se tornaram mais propensos a reclamar destas interrupções. A pesquisa atual apontou mais de 10% a menos estão propensos a aceitas os anúncios “atrapalhando” os jogos gratuitos.

Pesquisas anteriores do Symantec descobriram que 59% dos usuários de smartphones no Brasil pensam nos games quando falam em suas atividades de aplicativos mais agradáveis, apenas atrás de “socializar com amigos e familiares” e da “música”, com 61% das respostas em outubro de 2014. Texto traduzido do eMarketer.com


O mundo Mobile aparentemente está dominando os jogos também, a facilidade e acessibilidade do dispositivo com certeza acaba sendo decisiva. Neste texto que aponta o faturamento da Apple com venda de aplicativos (e por aplicativos) em 2014. O Keine Monteiro mostrou que entre os top 20 aplicativos mais rentáveis, 16 são aplicativos de jogos. O líder Clash of Clans, por exemplo, tem um faturamento médio de mais de 1 milhão de dólares por dia.

Poderoso não? Pois saiba que este sucesso dos games não é por acaso. E os conceitos utilizados para rentabilizar e “viciar” os jogadores podem (e devem) ser utilizados na estratégia do seu negócio.

O estudo destas técnicas (como por exemplo a Diversão) dos jogos de sucesso se chama Gamification (ou Gamificação) e tem apresentado inúmeros cases de empresas com sucesso na aplicação destas mecânicas, em marketing principalmente.

Como conquistar engajamento e motivar seus clientes com gamification

Para ter uma introdução melhor ao tema, desenvolvemos este e-book abaixo. A utilização das mecânicas de games em ambientes que normalmente não tem este propósito têm crescido de uma maneira significativa e é uma grande aposta nossa aqui na Universidade Buscapé.

Recomendo o download do material e manter-se por dentro do assunto:

Como conquistar engajamento e motivar seus clientes com gamification

NO COMMENTS

DEIXE UM COMENTÁRIO