Tags Posts tagged with "Buscapé Company"

Buscapé Company

No dia 18 de maio, foi ao ar uma matéria no Jornal da Record que falou dos 20 anos da internet no Brasil. A jornalista Cleisla Garcia contou três grandes histórias proporcionadas pelo “mundo virtual”.

A história de Michel, que encontrou um doador de medula pelo Facebook que salvou sua vida, a do casal Alexandre e Elenita, que se reencontraram através de “uma rede social” depois de muitos anos e hoje vivem juntos e a do Daniel Cardoso, sócio/diretor da Universidade Buscapé Company.

A reportagem mostra um pouco da rotina do Daniel e conta sobre o clima de uma empresa de internet, no caso o Buscapé Company, que conta com “um ambiente descontraído e metas agressivas”. Hoje com um negócio que oferece treinamentos especializados em E-commerce e Marketing Digital, Daniel conta como mudou sua carreira de Engenheiro Mecânico anos atrás, no começo da internet no Brasil. Assista:

O conteúdo vai coincidentemente de encontro com o tema proposto em um de nossos últimos e-books que precede um de nossos novos cursos online ainda em fase de produção: Mude para carreira digital

No e-book abaixo (que até é mostrado na reportagem da TV Record), o Daniel selecionou seis outros profissionais em diferentes etapas da carreira que fizeram o mesmo movimento para empresas de internet. Eles contaram como aconteceu o processo de mudança de vida e o que precisaram para conseguir conquistar espaço neste mercado tão competitivo.

call-to-action-carreira-digital-tiny

O Buscapé vai expandir sua operação para além da América Latina e incorporar mais treze sites estrangeiros de comparação de preços da Europa e da África. A empresa, fundada por brasileiros, foi escolhida pela Naspers, conglomerado de mídia sul-africano dono do Buscapé desde 2009, para agrupar todas as empresas do grupo neste segmento. Segundo a empresa, o conjunto de sites formará o maior grupo de comparação de preços do mundo, com audiência mensal de 120 milhões de usuários.

Buscapé vai incorporar 13 sites de comparação de preços da Europa e África.

“A ideia é trocar experiência e levar o que a gente fez aqui para nos tornarmos líderes a esses outros mercados”, diz Romero Rodrigues, ex-presidente do Buscapé para a América Latina e agora CEO global de comparação de preços da Naspers. Entre os conhecimentos que o Buscapé pode exportar, segundo ele, está o botão “comprar agora”, que permite a compra dentro do próprio site.

Na próxima segunda-feira, Romero vai à Europa para visitar as novas empresas do grupo. Ele continuará baseado no Brasil, mas deve passar metade de seu tempo viajando. Quem ocupa a posição de CEO do Buscapé para a América Latina, deixada por Rodrigues, é Rodrigo Borer, antes vice-presidente da unidade de comparação. “O fato de o Buscapé ter sido escolhido (pela Naspers) para agrupar todas essas empresas mostra que o trabalho que a gente vem fazendo há 15 anos está sendo reconhecido e se tornou referência mundial”, diz Borer.

Entre as novatas que passam a integrar a operação do Buscapé estão os sites Ceneo (Polônia), Heureka (República Tcheca e Eslováquia), Vcene (Ucrânia), Ucuzu (Turquia), Arukereso (Hungria), Compari (Romênia), Pazaruvaj (Bulgária), Shoppydoo, Trovaprezzi, Misshobby e Drezzi (Itália), Shoppydoo (Espanha) e Pricecheck (África do Sul e Nigéria). A marca adotada pelos sites não será substituída pela marca Buscapé.

Segundo o Buscapé, sua ferramenta de comparação de preços tem 30 milhões de usuários únicos no Brasil atualmente, somando os acessos por meio de computadores e dispositivos móveis. De acordo com a consultoria comScore, que mede apenas as visitas por meio de computadores, a audiência do site passou de 20,6 milhões para 23,4 milhões entre fevereiro e novembro de 2013.

O Buscapé lidera o ranking de comparadores de preço no Brasil, seguido por Uol Shopping, Zoom e Google Shopping. Já no ranking global, os dados de novembro passado mostram o Buscapé em quarto lugar, atrás de Price Grabber, Google Shopping e Yahoo Shopping, que lidera a lista com 55 milhões de visitantes.

Segundo o Buscapé, a nova configuração do grupo reunirá uma audiência de 120 milhões de usuários por mês, o que torna a empresa uma das maiores do mundo na categoria de comparadores de preços. O número de funcionários do grupo passará de 1,4 mil para 1,7 mil e a receita deve saltar 40%, estima Rodrigues.

Publicação da Veja.

Procurando emprego? Abriu vaga para trabalhar no Buscapé Company! Procuramos um Analista de Informações Gerenciais Júnior.

Responsabilidades: 

– Elaborar e analisar relatórios gerenciais que ilustrem o comportamento de clientes, tráfego, conversão, receitas e Analista de Informações Gerenciais - Buscapé Companycustos da empresa.
Criar, monitorar e fazer a manutenção de indicadores (KPIs) de negócios.
– Recomendar melhorias de sistema ou processo que otimizem recursos, espaço e/ou tempo.
– Relacionar-se com as diversas áreas da empresa a fim de suprir suas necessidades das atividades.
– Buscar informações internas e externas que enriqueçam os relatórios.
– Entregar informação confiável no prazo e formato acordados com o conteúdo prometido.
– Negociar prazos e formatos de entrega de relatórios.

Requisitos:

– Relacionamento interpessoal com diferentes níveis hierárquicos
– Capacidade de negociação.
– Senso crítico de urgência.
– Objetividade, organização, concentração.
– Pró-atividade.
– Boa comunicação verbal e escrita (objetividade e clareza das informações).
– Excel avançado
– Access básico
– SQL básico
– Google Analytics
– Desejável experiência com ferramentas de BI (Cognos / MicroStrategy).

Formação acadêmica: 

Superior Completo: Estatística, Matemática, Sistemas de Informação, Administração, Economia e Contabilidade.

Atenção! Os interessados devem enviar o currículo para pablo.siqueira@buscapecompany.com e colocar no assunto Analista de Informações Gerenciais Júnior (enviar currículo com expectativa salarial do candidato).

Analista de Informações Gerenciais - Buscapé Company