Tags Posts tagged with "e-book"

e-book

A VTEX, plataforma especializada em tecnologia para e-commerce, lançou o e-book “Aprenda a escolher a melhor plataforma de comércio eletrônico para a sua loja virtual”. Como a escolha da plataforma é um dos principais fatores de sucesso da loja virtual, o processo de decisão pode ser demorado e muito arriscado, já que qualquer erro poderá causar grandes perdas.

Esse material é indicado para quem quer mudar de plataforma porém ainda não está seguro de qual modelo mais adequado para o seu negócio.

Nesse e-book são abordadas 4 grandes análises que devem ser feitas na no momento de de escolher sua plataforma de e-commerce:

  • Custos
  • Avaliando funcionalidades
  • Serviços agregados
  • Potencial de conversão

Ao final, o lojista terá uma análise racional de qual plataforma será a melhor opção para ele, deixando de lado opiniões totalmente emocionais.

Para baixar o e-book, gratuitamente, basta clicar neste link, efetuar o cadastro e acessar o material.

Aprenda a escolher a melhor plataforma de comércio eletrônico para a sua loja virtual

A VTEX, plataforma especializada em tecnologia para e-commerce, lançou o e-book “6 Erros de Migração de Plataforma de Loja Virtual”. O material, gratuito, é indicado tanto para quem pensa em mudar de solução quanto para aqueles que já tomaram a decisão de mudar de plataforma, buscando responder às principais dúvidas de lojistas durante este processo.

No primeiro capítulo, o e-book apresenta os problemas mais comuns que levam as lojas virtuais a cogitarem a troca de plataforma e o investimento em uma solução mais robusta. Na sequência, são apresentados os seis principais erros cometidos ao longo do processo de migração, apresentados em seis subcapítulos, quais sejam:

  • Escolher o parceiro de implantação errado;
  • Revolucionar o layout;
  • Esquecer do SEO;
  • Não fazer a correta gestão do projeto;
  • Transformar a integração com sistemas legados um processo complexo e demorado;
  • Não fazer o levantamento dos dados históricos.

São apresentados, ainda, cases de empresas que foram bem-sucedidas nessa transição.

Para baixar o e-book, gratuitamente, basta clicar neste link, efetuar o cadastro e acessar o material.

6 Erros de Migração de Plataforma de Loja Virtual

O estudo, que pode ser baixado gratuitamente, faz um comparativo das 32 principais plataformas do mercado

Para ajudar o empreendedor que está entrando no mundo do varejo online e procura um serviço para a criação de sua loja, foi lançado neste mês de outubro o Guia Plataformas de E-commerce 2016. Produzido pelo blog Profissional de E-Commerce, em parceria com a PayU, empresa global de pagamentos online, o manual informativo digital traz um compilado de dados das principais plataformas existentes no mercado brasileiro para a operação de uma loja virtual.

Trata-se da segunda edição do guia, sendo que a primeira foi lançada em 2014. Agora, o estudo conta com o apoio da PayU para seu lançamento e divulgação. O e-book contém informações fornecidas pelas 28 principais plataformas no modelo SAAS onde o lojista paga uma mensalidade para usar o sistema e mais 4 plataformas no modelo código aberto (que necessita um programador para implantar e configurar).

Em um formato bastante visual incluindo serviços e benefícios que são importantes na hora da escolha, o documento apresenta comparativos como meios de pagamentos oferecidos, integração com marketplaces, adaptação para dispositivos móveis, entre os 14 itens avaliados, para que o pequeno, médio ou grande varejista possa avaliar qual ferramenta pode atendê-lo melhor.

“Para esta edição do Guia fizemos uma pesquisa com varejistas de diferentes portes e ouvimos deles quais as funcionalidades e diferenciais  que atualmente são importantes ou que eles desejariam que suas plataformas tivessem”. destaca Daniel Cardoso, Diretor de Treinamento de Marketing Digital da Impacta e um dos fundadores do Blog.

Para marcar o lançamento, ocorrido no dia 04, a PayU realizou um evento em que reuniu tanto representantes das plataformas incluídas no estudo quanto lojistas parceiros. O encontro, chamado de “Café e-Conteúdo”, aconteceu na sede da empresa, em São Paulo.

“Sabemos que as empresas têm dificuldade na hora de escolher a plataforma e conhecer os fatores que influenciam na operação de seu negócio é algo muito importante. Consideramos esta uma etapa decisiva para o progresso do negócio e vemos este guia como um estudo completo e uma maneira do lojista conseguir identificar mais facilmente qual solução melhor se encaixa com as suas necessidades”, explica Marcos Marins, CEO da PayU no Brasil.

Gratuito, o Guia Plataformas de E-commerce 2016 já está disponível para download:

Guia Plataformas de E-commerce

Esta semana iniciamos a 5ª Edição da Pesquisa Profissional de E-commerce, projeto nosso e da E-bit que traça anualmente o perfil do profissional que atua em nosso segmento. Sucesso de acessos e downloads, a iniciativa tem crescido bastante.

Ano passado, por exemplo, entre 3 de agosto e 2 de setembro tivemos 492 respostas de profissionais da área. Veja os resultados:

Pesquisa Profissional de E-commerce 2015

Pesquisa Profissional de E-commerce 2016

Para este ano contamos com novidades. Abrimos a pesquisa para o mercado e, se você que tem uma loja virtual ou trabalha em uma, gostaríamos de contar com 5 minutos da sua atenção, isso mesmo, não pretendemos tomar mais do que isso do seu tempo.

Em troca, estamos oferecendo o acesso direto ao terminar de responder ao Kit com os 20 e-books de maior sucesso do nosso blog. Um download com 20 PDFs (compactados em um arquivo Zip) em 27,3 Mb. Seja rápido, pois esse acesso só ficará disponível durante a pesquisa.

Além disso, você recebe os resultados do estudo completo em seu e-mail. Clique no link abaixo e responda agora.

Pesquisa Profissional de E-commerce 2016

Na tempestade uns erguem muros outros constroem moinhos! Sempre que surge a crise esta frase aparece. Outra recorrente, mais moderna e meio “mimimi” fala que “onde uns choram outros vendem lenço”.

Ok! Você pode não estar tão otimista em melhorar sua operação de e-commerce na crise. Isto é totalmente compreensível diante do cenário político e econômico do país. Mas uma coisa é certa, a crise inevitavelmente nos faz olhar muito mais para dentro do que para fora, e isso se bem feito pode ter efeitos muito benéficos à sua empresa.

A história é recheada de exemplos maravilhosos de empresas que estiveram a beira da falência e ao repensar, deram a volta por cima com tal força que retomaram a liderança em seus segmentos melhores do que nunca.

Estou falando de nomes como Apple, Harley Davidson, Toyota e Lego. Que hoje para nós pode ser estranho pensar que já passaram dificuldades.

Nossa intenção com este guia, foi sair à campo e saber o que executivos e consultores de sucesso no e-commerce estão pensando e agindo em um ano de grande desafio. Iniciamos com alguns números de mercado compilados pela E-bit, e ao final, para facilitar, fizemos um rápido resumo dos principais pontos destacados em seus textos.

Pode parecer pretensioso, mas acredito que eles podem sim, despertar insights valiosos para neste momento de introspecção lhe inspirar e por que não dizer,  ajudá-lo montar seu moinho. Vamos lá?

Como o profissional de e-commerce de sucesso enfrenta a crise

O Instagram é uma rede social excelente para marketing de negócio. Para administradores de lojas virtuais, por exemplo, existe a possibilidade de exibir produtos, imagens de campanhas e momentos alternativos da produção, reforçando a proposta da marca e estreitando o relacionamento com os clientes.

Recentemente, a plataforma passou a liberar aos usuários, pouco a pouco, o recurso de anúncios pagos. Com ele, as empresas poderão escolher exatamente qual publicação desejam promover e para qual público. Neste tutorial, trouxemos os passos de como fazê-lo.

Observação: como os anúncios no Instagram funcionam a partir dos recursos do Facebook, você precisa ter uma conta no Facebook for Business. Caso ainda não a possua, você pode criar a sua clicando aqui e vincular o serviço à sua conta no Facebook.

Configure sua conta

Com seu Facebook for Business devidamente integrado à sua conta do Facebook, é hora de associar suas contas do Instagram ao serviço. Acompanhe as imagens a seguir:

Como criar anuncios no Instagram 1

1. Acesse o seu painel do Facebook for Business e, no menu “Configurações”, selecione “Contas do Instagram”. Caso você não tenha essa opção, aguarde algumas semanas: a funcionalidade está sendo liberada gradativamente.

Como criar anuncios no Instagram 2

2. No canto superior direito da tela, selecione “Reivindicar nova conta do Instagram”.

Como criar anuncios no Instagram 3

3. Informe o usuário e a senha da sua conta do Instagram e clique em “Avançar”.

Como criar anuncios no Instagram 4

4. Associe sua conta de anúncios ao Instagram e selecione “Next” ou “Avançar”.

Crie sua campanha

Configurou sua conta? Agora vamos finalmente criar as suas campanhas e anúncios. Para isso utilizaremos o Power Editor, já conhecido de quem utiliza o Facebook Ads.

Como criar anuncios no Instagram 5

1. Clique para abrir o menu e selecione “Power Editor”.

Como criar anuncios no Instagram 6

2. Na janela seguinte, clique em “Criar campanha”. Caso o pop-up não esteja mais sendo exibido para você, selecione a opção na caixa de opções “Criar conjunto de anúncios”, à esquerda.

Como criar anuncios no Instagram 7

3. Defina os atributos da sua nova campanha e do seu conjunto de anúncios. Aproveite para definir um novo anúncio também e clique em “Criar”.

Como criar anuncios no Instagram 8

4. Abra o menu de opções do conjunto de anúncios e selecione “Visualizar anúncios”.

Como criar anuncios no Instagram 9

5. Na tela seguinte, abra o menu de opções do anúncio em questão e clique em “Editar”.

Como criar anuncios no Instagram 10

6. Defina os atributos da sua publicação (forma, imagem, link etc) e pronto! Seu anúncio irá ao ar no período determinado.

Entendido?

O procedimento é mais simples do que parece. Executando as etapas acima, você poderá criar seus próprios anúncios no Instagram e aumentar a audiência do seu negócio. Para conhecer mais estratégias de marketing na plataforma, não deixe de conferir este e-book completo e gratuito sobre o assunto.

Guia prático do Instagram para lojas virtuais

Texto publicado no Blog da Nuvem Shop.

Apesar de não ser uma das redes sociais mais populares no Brasil, o Pinterest é uma plataforma poderosa para o seu marketing digital. Com um mecanismo simples que baseia-se no compartilhamento de imagens e na criação de “coleções pessoais”, o serviço conta com usuários bastante engajados e ativos – e o melhor: interessados em consumir.

Para os administradores de e-commerce, oferece ainda um trunfo extra: permite que seus clientes em potencial encontrem produtos relacionados a partir dos próprios interesses e sejam redirecionados diretamente para a sua loja virtual. Ainda não está convencido? Neste artigo, listamos mais 11 motivos para você investir na rede social.

E para ajudá-lo a marcar presença por lá, preparamos um e-book gratuito com tudo o que você precisa saber:

Conceitos básicos;
Como criar a sua conta de empresa;
• Como produzir conteúdo criativo e relevante;
Como engajar o seu público.

Preparado para aprender?

Guia de Marketing Gratuito para o Pinterest

Muito se fala sobre o modelo de Marketplace, o qual grandes sites varejistas vem adotando. Se você possui e-commerce, é bem provável que você verá com bons olhos este método de vendas, mesmo ele não tendo, aparentemente, relação direta com seu negócio.

Por que o modelo de Marketplace é bom para lojas virtuais?

Porque é possível vender os seus produtos nos sites que utilizam esse modelo e isso inclui os campeões de vendas do país, como: Mercado Livre, Submarino, Extra entre tantos outros.

O que isso quer dizer:

Os seus produtos serão disponibilizados para milhares de clientes destes Marketplaces todos os dias;
Mais credibilidade para seu negócio, afinal você estará vendendo nos maiores sites do Brasil;
Muito mais oportunidades de vendas;
Mais visibilidade para sua marca, principalmente se você está começando com as vendas online.

Mas claro que para conquistar tantos benefícios, você, a sua loja, e os seus produtos precisam estar preparados e alinhados com os Marketplaces. Por isso, alguns quesitos são imprescindíveis para começar a vender e ter sucesso nestes sites.

Pensando nisso, o Olist e a Uni Buscapé Company se uniram para criar um guia completo com tudo o que você precisa saber para preparar a sua loja virtual para vender nos maiores marketplaces do Brasil.

O Guia “Como preparar sua loja virtual para vender nos maiores Marketplaces do Brasil” conta com alguns conceitos e dicas valiosas para você tirar o melhor proveito desta nova estratégia de vendas e alavancar de vez os seus resultados. Além disso, no decorrer do material surgirão etapas, que deverão ser concluídas, para que no final você e sua loja virtual estejam prontos para ter sucesso nos principais marketplaces do país.

call-to-action-guia-marketplace

Vídeos para e-commerce são uma maneira muito interessante de explorar as potencialidades dos produtos, independentemente do segmento. Desde apresentações, testes ou comparativos, existem diversas formas de utilizar essa ferramenta para aumentar as vendas.

Neste artigo, abordamos alguns aspectos técnicos fundamentais para que você consiga fazer vídeos que atraiam o público certo para sua loja virtual e realmente ajudem a garantir as vendas. E não se assuste, pois isso não quer dizer que você terá que gastar muito dinheiro! Vamos lá?

Utilize uma boa câmera

Para se atingir um bom resultado, é preciso investir em uma boa câmera. Existem modelos semiprofissionais que custam bem menos que uma câmera profissional, mas que entregam vídeos com qualidade.

Busque marcas conhecidas e confiáveis, como Canon, Nikon e Sony, por exemplo. Dica? Algumas câmeras normalmente consideradas apenas para Fotografia, entregam qualidade excelente para vídeo. Uma Canon T3i, por exemplo, pode ser uma ótima saída.

Valorize o áudio

Outro ponto extremamente importante é o áudio. Se for um vídeo com voz, é fundamental que as pessoas consigam entender perfeitamente o que está sendo dito.

Nesse caso, é interessante investir em um gravador e um microfone de lapela (esses que ficam presos na roupa). Esse aspecto, junto com a iluminação, é o que dará caráter profissional à produção, agregando a ela mais valor.

Existem microfones de lapela de marcas mais “genéricas” que entregam excelentes resultados. Lembre que sua câmera (caso opte pela fotográfica que filma) vai precisar de uma entrada para o microfone.

Outra possibilidade que pode ser adotada é gravar o áudio separadamente pelo celular (O iPhone captura áudio com qualidade fenomenal! Smartphones com Android normalmente também entregam bons resultados). Para esta saída, você precisará sincronizar o aúdio com o vídeo em algum software de edição. Lembre de bater uma palma para facilitar sua edição.

Prepare bem a iluminação

Esse é outro ponto muito importante nos vídeos para e-commerce. O ideal é equipar com refletores o ambiente onde será feita a filmagem.

Para isso, é possível encontrar boas opções com custo baixo na internet. Há também muitos tutoriais no Youtube, que ensinam a fazer refletores caseiros. Não importa por qual das duas formas você irá optar, o essencial é manter a iluminação perfeita para destacar o produto à venda. Recomendamos utilizar lâmpadas fluorescentes ou de led.

Garanta a identidade da marca através da ambientação

Nem sempre o proprietário de um e-commerce possui um espaço ideal para a confecção dos vídeos dos seus produtos. Mesmo assim, com alguns ajustes, a sala da sua casa, ou até mesmo a garagem, podem se transformar em um estúdio improvisado.

O mais importante é ter em mente que o consumidor entenderá o ambiente do vídeo como parte da identidade da sua marca. Por isso, evite ambientes bagunçados, desorganizados e sujos — a menos que isso faça parte, de alguma maneira, da sua estratégia.

Portanto, nada de deixar o azulejo da cozinha ou do banheiro aparecendo, combinado?

Entenda a linguagem do seu público

Qual é o seu público? Jovens? Mulheres de 30 a 40 anos? Homens entre 25 e 35 anos? Essa resposta é muito importante para acertar o tom com o qual você irá se comunicar com os consumidores.

Dependendo do público-alvo e do produto que está sendo anunciado, você poderá ser mais descontraído ou se manter mais formal. O mesmo vale para as roupas do apresentador do vídeo — caso haja algum.

Lembre-se: o vídeo será a porta de entrada de muitos novos consumidores no seu negócio e também o ponto decisivo para fechar uma venda. Por isso eles devem ser levados muito a sério!

E então, você tem mais alguma dica para nossos leitores ou ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Não deixe de escrever o seu comentário e conferir também o nosso e-book gratuito para download Como fazer vídeos profissionais e vendedores para e-commerce.

call-to-action-ebook-videos

No dia 18 de maio, foi ao ar uma matéria no Jornal da Record que falou dos 20 anos da internet no Brasil. A jornalista Cleisla Garcia contou três grandes histórias proporcionadas pelo “mundo virtual”.

A história de Michel, que encontrou um doador de medula pelo Facebook que salvou sua vida, a do casal Alexandre e Elenita, que se reencontraram através de “uma rede social” depois de muitos anos e hoje vivem juntos e a do Daniel Cardoso, sócio/diretor da Universidade Buscapé Company.

A reportagem mostra um pouco da rotina do Daniel e conta sobre o clima de uma empresa de internet, no caso o Buscapé Company, que conta com “um ambiente descontraído e metas agressivas”. Hoje com um negócio que oferece treinamentos especializados em E-commerce e Marketing Digital, Daniel conta como mudou sua carreira de Engenheiro Mecânico anos atrás, no começo da internet no Brasil. Assista:

O conteúdo vai coincidentemente de encontro com o tema proposto em um de nossos últimos e-books que precede um de nossos novos cursos online ainda em fase de produção: Mude para carreira digital

No e-book abaixo (que até é mostrado na reportagem da TV Record), o Daniel selecionou seis outros profissionais em diferentes etapas da carreira que fizeram o mesmo movimento para empresas de internet. Eles contaram como aconteceu o processo de mudança de vida e o que precisaram para conseguir conquistar espaço neste mercado tão competitivo.

call-to-action-carreira-digital-tiny