Tags Posts tagged with "keywords"

keywords

Os cobiçados primeiros lugares nas páginas de resultados de busca do Google não são apenas daquelas empresas que possuem uma boa estratégia de marketing digital — são daquelas que investem em campanhas no Google Adwords, os chamados Links Patrocinados.

Você já deve conhecê-los bem, e provavelmente já clicou em algum deles: são os que ficam em destaque, no topo e em uma coluna posicionada no lado direito da página. Muitas lojas virtuais hoje devem o sucesso nas vendas de produtos e serviços aos bons resultados nesse tipo de campanha.

Em suma, campanhas de Links Patrocinados funcionam como uma espécie de “atalho” para se chegar ao topo das páginas de resultado do Google, sem ter que passar pelo, nem sempre rápido, processo de otimização via SEO (Search Engine Optimization). Ainda assim, trabalhar com o AdWords também requer bastante planejamento e dedicação. Que tal então conferir nossos cinco passos essenciais para desenvolver uma estratégia matadora de Links Patrocinados para sua loja virtual?

1 – Defina objetivos

Básica para qualquer estratégia de marketing e vendas, a definição de objetivos claros e plausíveis é o que norteia todo o processo e ajuda a não se desviar do caminho.

Bons exemplos são: aumentar as vendas de determinado produto ou serviço, aumentar o tráfego do blog dentro do seu e-commerce, ou simplesmente conquistar mais assinantes para a sua newsletter. Evite ser genérico ou institucional demais nas campanhas.

2 – Defina seu orçamento

Com o AdWords, você é quem escolhe o quanto vai gastar com a campanha. Isso porque você pagará por cliques que os usuários fizerem nos seus links que aparecerem nas páginas de resultados, em valores descontados de acordo com a cotação de cada palavra-chave, de um montante pago previamente por você, como se fossem créditos.

“Mas como assim?”, você deve estar se perguntando. É que no AdWords, seus anúncios serão vinculados a palavras-chave definidas por você, e que tenham a ver com seu negócio ou seu produto. Essas palavras-chave têm um custo por clique (CPC), determinado pelo nível de procura dela, como se fosse mesmo em uma bolsa de valores.

Supondo que você tenha definido um orçamento de R$500 para a sua campanha e definido “veículos usados” como uma das palavras-chave, se cada clique custar R$1, esse valor será descontado do seu orçamento toda vez que um usuário clicar em seu anúncio.

3 – Defina palavras-chave

Faça um brainstorm de todas as palavras e termos que são relacionadas ao seu produto e, de maneira mais específica, à sua campanha. Tente não ser muito genérico!

Por exemplo, “carros” é um termo bastante genérico e concorrido, ao ponto que “carros usados Belo Horizonte”, mais específico e menos concorrido, pode trazer melhores resultados. Depois, use a Ferramenta de Palavras-Chave do AdWords, que você pode acessar dentro da sua conta dentro do sistema do AdWords, em “Gerenciamento de Campanhas – Ferramentas – Ferramenta de Palavras-chave”. Esse recurso bastante útil mostra o volume de buscas mensais por termo, a concorrência e também quanto vale o clique de cada um deles.

Leia também: Como montar uma campanha de links patrocinados eficiente

4 – Construa as landing pages

De nada adiantaria atrair o público até seu anúncio, fazê-lo clicar, para depois mostrar uma página de produto, serviço ou site ruins. Capriche no conteúdo, dê o máximo de informações que conseguir sobre o seu produto e faça uso das boas práticas de marketing digital: use as palavras-chave, elabore bons títulos e coloque um bom call-to-action.

Atenção: é imprescindível que os links de sua campanha apontem direto para essas páginas.

5 – Construa os anúncios e dê start na campanha

Obedecendo sempre aos limites de caracteres impostos pelo AdWords, crie os títulos, os textos e separe os links de seus anúncios. Lembre-se de que os títulos devem ser bastante chamativos e os textos devem possuir o máximo de informação útil possível, de preferência fazendo uso das principais palavras-chave de sua campanha.

Depois disso, insira essas informações dentro dos formulários de campanha do AdWords e comece sua campanha!

6 – Monitore tudo, sempre

Campanhas de AdWords são bastante dinâmicas — ou seja, é possível alterá-las ao longo do tempo, a partir de dados obtidos das mensurações de suas campanhas. Acompanhe diariamente os índices de cliques e preste muita atenção nos bounce rates (taxas de rejeição), pois um valor alto significa que algo está inconsistente na sua campanha.

Está nas primeiras experiências com campanhas de AdWords ou pelo menos já se aventurou nelas? Como foi o processo e quais os resultados? Compartilhe com a gente suas experiências!