Desde o início da pandemia, todo o mercado de E-commerce está acelerando no Brasil, e também por todo o mundo. Com cada vez mais brasileiros comprando em lojas virtuais, muitos empreendedores estão olhando para esse crescimento como uma oportunidade de conseguirem lançar seus próprios negócios online ou até mesmo aumentarem sua presença, credibilidade e reputação no meio digital.

Contudo, é importante ter um conhecimento profundo das várias ferramentas que poderá usar para levar seu E-commerce para o próximo nível. Lembre-se que você não só terá que entregar uma loja virtual responsiva (design adaptável em vários formatos de tela), bem estruturado, profissional e atrativa, como também deverá se destacar da concorrência. Especialmente em um mercado que está cada vez mais competitivo  a concorrência está a um toque no celular.

1. Meios de Pagamentos Disponibilizados

Em uma loja virtual, você deverá se preocupar em conseguir fornecer o melhor conforto, segurança e rapidez nos pagamentos de seus produtos ou serviços. Logo, meios de pagamentos de grande utilização como o boleto bancário , cartão de crédito e o recém lançado PIX, podem ajudar muito a melhorar a experiência do cliente e ajudá-lo a não perder vendas.

2. Disponibilizar Conteúdos Criativos.

Quer seja em “landing pages” ou mesmo nas páginas de produto de sua loja, você terá que se distinguir de seus concorrentes. Para isso, criar vídeos únicos, com plataformas como o Shakr, poderá ser uma das soluções para que consiga tornar seu conteúdo muito mais atraente. Toda essa apresentação diferenciada poderá melhorar significativamente a taxa de retenção e de conversão de vendas em sua loja onine, além é claro do nível de profissionalismo e credibilidade que ela irá transmitir.

3. Ter uma marca bem elaborada.

Você deverá ter o cuidado de apresentar uma imagem bem elaborada de sua marca e que reflita a missão e os objetivos de sua empresa. Através de softwares  como do Tailor Brands, você poderá criar logos profissionais que surpreendam de imediato seu público-alvo. Nunca se esqueça que ter uma forte primeira impressão é crucial para que esse seu potencial cliente demonstre desde início interesse em sua empresa.
A vantagem desses softwares é que você terá várias sugestões para entregar não só o logo, mas também toda a imagem e cores relacionada com sua empresa. Através dessas sugestões, ficará mais fácil criar uma imagem forte e confiável que sempre desejou apresentar para seu público-alvo.

4. Não esquecer a importância do e-mail marketing

Muitas vezes ignorado pelos empreendedores digitais mais iniciantes, o poder do e-mail marketing é essencial para que você consiga criar um relacionamento potencialmente lucrativo com seu “lead” ou cliente. Com a ferramenta Customer, você poderá, com base em sua lista de “leads” criar campanhas de e-mail marketing bem estruturadas, com o objetivo de entregar o máximo de valor para sua lista de contatos, aumentando assim suas conversões e até obtendo os tão desejados “up-sells”.

5. Gerenciamento de suas redes sociais

Para ter um tráfego interessante em sua loja E-commerce,  é preciso ter um cuidado especial para desenvolver boas estratégias de construção de público engajado em suas redes sociais. Através de softwares como o Hootsuite, você terá a chance de agendar e planejar todas suas publicações, de forma a agilizar seu contato direto com os seguidores, permitindo construir um relacionamento mais próximo e engajado.
Não se esqueça que uma presença social de sua loja virtual é essencial para obter credibilidade tanto na busca orgânica como em suas campanhas de marketing pagas.

6. Fazer toda a gestão de encomendas

Uma das maiores dificuldades que um empreendedor online acaba sentindo  diz respeito a logística envolvendo o envio dos pedidos. No entanto, existem agora vários aplicativos e plug-ins, como é o caso do “Oberlo” no WordPress ou até mesmo do BMService, em que você conseguirá automatizar com maior facilidade todas suas vendas e encomendas, acabando por poupar muito do seu precioso tempo.

7. Análise os usuários que entram em sua loja online

Por último, jamais você deverá esquecer a importância de conhecer todos os hábitos e histórico de navegações dos usuários, “leads” ou clientes que acabam entrando em sua loja online. Assim, com o “pixel” do Facebook ou até mesmo com os Google Analytics, você receberá informações importante como as seguintes:

  • Tempo de retenção do usuário em uma página web
  • Abandono do carrinho de compras
  • Navegação por sua loja

Ora, com base nesses dados, você não só terá a informação necessária para melhorar as páginas web que estão tendo pouco tempo de retenção, como também poderá, através de e-mail marketing ou de Facebook Ads, por exemplo, fazer um “re-target” para estes usuários.

Author

Ricardo Cunha é formado em Jornalismo e há 6 anos é especialista na criação de conteúdo exclusivo, construção de websites, marketing digital e hosting.

Write A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.