Todos nós sabemos que o Brasil não se encontra em seu melhor momento econômico. A taxa de crescimento do país foi consideravelmente reduzida e as expectativas para os próximos anos não estão entre as melhores. Por isso, quem possui uma empresa para cuidar pode (e deveria!) se organizar financeiramente, para evitar problemas inesperados.
A grande maioria dos brasileiros, aliás, não controla totalmente suas despesas pessoais e questões relacionadas a gastos passam longe da rotina, então por que seria diferente no ambiente empresarial?
Para administrar bem seu negócio é preciso manter a questão financeira em situação saudável, com responsabilidade e disciplina. Em primeiro lugar, reserve um tempo para organizar todas as despesas e receitas em um planejamento financeiro, pois isso te ajudará a visualizar melhor para onde seu orçamento está sendo direcionado (é importante que todos os gastos sejam registrados para que a análise seja realmente efetiva).
Faça um comparativo entre o que foi previamente incluído no orçamento e o que foi de fato realizado e guarde essas informações em um histórico, que será muito útil para futuras análises, projeções e adequações de estratégias.
Aproveite o momento de crise para fazer o que mais parece óbvio: economizar. É importante poupar para comprar o que já estava estabelecido como meta, para realizar investimentos e também para manter em reserva em casos de imprevisto – o que é importante para qualquer época, pois uma empresa está sujeita a diversos tipos de contratempos. Saiba também como controlar as compras, investindo apenas no que for realmente necessário no momento.
É imprescindível ter objetivos e metas a seguir para que o empresário não perca o foco de como conduzir os negócios e também para que a equipe não se sinta desmotivada.
Uma boa forma de fazer isso é organizar tudo em um planejamento, que deverá ser conhecido por todos os membros da empresa, diagnosticando as necessidades reais e as deficiências que precisarão ser superadas. As metas podem ser definidas a curto e em longo prazo, depende dos objetivos e das características de cada empresa. Encontre a melhor forma de organizar a sua!
Perceba que, caso exista organização, não é difícil manter as finanças de sua empresa em dia. Caso você ainda não tenha feito isso pelo seu negócio, não perca mais tempo e veja como pode fazer diferença.
Texto publicado anteriormente no E-commerce Brasil.

Avatar
Author

Consultor, Professor, Palestrante, Investidor Anjo e Empresário. Especialista em E-commerce e Internet, Thiago Sarraf é formado em Marketing e possui especialização em Negociação, Certificado em Google Adwords e Analytics. Sarraf já desenvolveu mais de 150 lojas virtuais e já trabalhou na Compaq, HP, Microsoft, Locaweb, iG, UOL. É colunista e articulista dos portais iMasters e E-commerce Brasil.

Write A Comment