• Avatar
  • por Camila Silva
  • Especialista em Marketing Digital, possui 5 anos de experiência na área e é responsável pelos esforços de marketing da Navegg - analytics, DMP e data provider, líder e referência de inteligência de dados na América Latina.

Data-Driven marketing: Os dados como solução em tempos de crise

31 de agosto de 2016
Share Button

Já não existem mais dúvidas sobre o quão grave é a crise econômica brasileira. Alguns economistas chegam a afirmar que é a pior recessão da história do país pois ela já dura dois anos e não há perspectiva de melhora do cenário. Além disso, desde a década de 30 quando houve a Grande Depressão, o Brasil não vê o PIB retrair por dois anos seguidos. Resultado:

  • Inflação e dólar altos;
  • Diminuição do poder de consumo;
  • Menor arrecadação de impostos;
  • Empresários preocupados com as notícias que chegam a cada dia;
  • Taxa de desemprego crescente;
  • Aumento da quantidade de brasileiros em trabalho informal;
  • Investidores aguardando momentos mais oportunos para realizar suas aplicações;
  • Insegurança e indignação dos brasileiros frente à situação que precisam enfrentar.

Para as empresas, o clima é de retração. Algumas se viram obrigadas a fechar as portas, demitir colaboradores, cortar custos e investimentos, oferecer programas especiais para demissão voluntária, redução de jornada ou férias antecipadas.
Por outro lado, outras empresas estão diversificando as suas atividades para não perder a clientela, usando a criatividade e/ou dados. Sim, os dados. Eles, que estão sendo muito citados ultimamente, estão ajudando muitas empresas a enfrentar a crise. A resposta para isso é o data-driven marketing.

O que é data-driven marketing

Como o nome sugere, data-driven marketing é o marketing orientado pelos dados de audiência. Ou seja, são decisões, estratégias e ações realizadas com base nas informações sobre o cliente. O data-driven marketing viabiliza ações mais assertivas e totalmente mensuráveis.
Como o marketing é centralizado no cliente, é possível identificar precisamente o perfil do público-alvo e enviar a ele uma mensagem com a abordagem certa e no momento certo. Isto significa alinhar a mensagem com a etapa da jornada de compra que cada persona se encontra.

O Data-Driven marketing e a crise

O Data-Driven marketing está ajudando muitas empresas a passarem pela crise pois permite:

  • Mensuração de investimentos com maior precisão

Em tempos de crise, eficiência é o caminho. Todas as campanhas podem ser medidas para que sejam colocadas a prova. Um modelo de atribuição é essencial para indicar qual campanha está performando melhor, qual precisa de ajustes, qual contribui para cada etapa da jornada de compra e qual traz mais retorno (ROI).

  • Decisões certeiras

Com tantas informações sobre o consumidor e as ações de marketing, o profissonal de marketing está bem munido para tomar as melhores decisões para o seu negócio.

Quanto mais informações sobre o consumidor forem obtidas, mais detalhada será a persona. É comum ver empresas definindo suas personas como homem, classe a-b, 25+. Como são informações rasas, elas não contribuirão para um detalhamento refinado da persona. A consequência inevitável são campanhas com público genérico ou mal definido e mal investimento da verba de publicidade.

  • Assertividade em campanhas e melhor aproveitamento do investimento em marketing

Quando se faz uma campanha e se atinge um público genérico, há uma grande dispersão, o que significa dinheiro mal investido. Por meio dos dados de audiência, é possível impactar o público-alvo exato que se deseja. Além de identificar a jornada de compra em que cada persona se encontra para entregar o conteúdo relevante, no momento certo e com a abordagem certa.

  • Marketing preditivo

O data-driven marketing também é a base para o marketing preditivo pois por meio do primeiro é possível extrair insights, tendências e se preparar para o futuro.

A conclusão é óbvia: em tempos de crise, é preciso usar dados para encontrar o seu consumidor, medir suas ações e economizar.
Originalmente publicado no Blog da Navegg.

Você também vai gostar

Usando estratégias de inbound marketing para vender mais Dentre as diversas formas de marketing digital, estratégias de inbound marketing têm se destacado ultimamente por sua efetividade e custo mais acessív...
6 premissas para você utilizar E-mail Marketing para conquistar ... Durante muitos anos, o E-mail Marketing tem sido o grande líder entre as ferramentas de Marketing Digital. É relativamente barato e muito eficaz para ...
Como contratar uma assessoria de imprensa para sua empresa? Vivemos a era da especialização. Não temos só ortopedistas, temos ortopedistas especialistas em pé. Mas não é qualquer pé, é no pé direito ou especial...
Vender sozinho na internet ou em um shopping virtual? Ao comprar por meio da internet, grande parte da população não tem ideia do tamanho da operação que está por trás da tela do computador. No entanto, u...
O perfil dos brasileiros interessados em serviços financeiros O fato do Brasil ter passado o ano de 2016 em crise e de haver incertezas quanto à recuperação da economia em 2017, aumentou a quantidade de brasileir...
Mais de 18 tipos de e-mails automatizados que seu e-commerce dev... E-mails automatizados se tornaram uma parte essencial de qualquer campanha de marketing bem sucedida, especialmente em e-commerces. Graças a elas você...
O que é uma newsletter e como funciona? Pensa em manter um bom relacionamento com seu cliente, conquistando a simpatia ao oferecer além do produto um conteúdo de qualidade? A newsletter é o ...
3 coisas que vão acontecer com empresas que não usarem Inbound M... Investir em Inbound Marketing não é mais uma questão de estar à frente dos concorrentes: é uma obrigação para um negócio se manter. O Inbound Marketin...
Retargeting: três dicas para otimizar campanhas online no setor ... À medida que os consumidores ficam mais confortáveis com e-commerce, sua jornada digital também fica mais complexa. Isso porque hoje os viajantes já u...
Calendário do e-commerce 2018: melhores datas para vender online... Você sabe dizer em que dia será a Black Friday em 2018? E o Dia do Consumidor? Conhecer e se planejar para as principais datas comemorativas...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>