• Daniel Cardoso
  • por Daniel Cardoso
  • Formado em Engenharia pela Escola de Engenharia Máua, pós-graduado em Marketing pela ESPM e com especialização em marketing para internet pela University of California, Irvine, atua no segmento de comércio eletrônico desde 1999. Passou pelos portais UOL e Terra, Mkteam e Escalena, onde atuou na implementação das lojas virtuais da Tim Brasil, Arno, Philco, TNG, Klueber do Brasil entre outras. Foi sócio-diretor da Universidade Buscapé Company e atualmente é Diretor responsável pelos treinamentos de E-commerce e Marketing Digital na Impacta Treinamentos.

O perfil do profissional de Startup

25 de outubro de 2018
Share Button

As empresas de pequeno porte emergentes e com baixo custo de manutenção estão tomando o mercado brasileiro, principalmente na área do E-Commerce.

Com altas taxas de crescimento e lucro as chamadas Startups, buscam agora profissionais que tenham pensamento inovador e capacidade de adaptação. Mas o que é preciso ter para entrar para esse time de sucesso?

Vagas é o que não faltam. O perfil é altamente variado e para garantir a entrada em uma empresa emergente é necessário, entre muitos fatores, ser disruptivo.

falamos aqui sobre o perfil profissional de e-commerce, mas agora vamos ajudar com as Startups desse segmento. Abaixo estão 5 características básicas que recrutadores procuram na hora da contratação:

Autonomia

O profissional independente, que gosta de aprender muitas coisas sozinho e se virar do jeito que puder para conseguir concluir tarefas é o mais requerido pelas empresas.  

A auto satisfação é mais valorizada que  segurança de estabilidade, as mudanças não podem ser vistas como algo ruim e sim como uma oportunidade nova de crescer. Nessas empresas as ideias e planos mudam com frequência e o funcionário não costuma pensar nisso como um risco, e sim como uma forma de motivação.

Comunicação

É comum que em startups todas as áreas estarem integradas, cada um entende o trabalho do outro e produzem para um mesmo fim. Então “dialogo” é a chave. Além de que o perfil de empresas novas é estarem constantemente se modificando, ideias são bem vindas de todos os lados, até daquele com cargos mais baixos.

A comunicação é importante pois esse é tipo de empresa que quer escutar tanto quanto quanto ser ouvida.

Curiosidade

Ser curioso também é essencial, pois o ambiente costuma ser muito dinâmico. Aqueles que não gostam de rotina terão facilidade em se adaptar, a flexibilidade no modelo de negócio é um dos benefícios desse tipo de empresa.

Proatividade é bem vista também, quem não se contenta com uma só função, ou busca sempre ajudar e fazer algo a mais é a pessoa que costuma crescer em Startups.

Gostar de desafios

Tédio é uma palavra que não existe em empresas como essa, as tarefas são muitas e quem possui organização e controle para cumpri-las dentro do tempo estipulado com certeza terá pontos a mais com os sócios e CEOs.

Sem falar que é comum ao longo do desenvolvimento da empresa, muitas novidades aparecerem e os funcionário acabam desempenhando funções que, muitas vezes, nem imaginava fazer.

Sendo assim, autoconfiança também é importante. O que não quer dizer que Startups esperam que seus funcionários tenham conhecimentos além dos que estão no currículo, mas esperam que ele esteja disposto a tentar, sem desistir no primeiro erro.

Não ter medo de aprender

Ninguém é tão bom em uma determinada área que não possa conhecer um pouco mais. Um característica da Startups é a hierarquia horizontal, que permite um ambiente mais informal e ninguém é visto como “o chefe”. A filosofia é a seguinte: são apenas pessoas com conhecimentos diferentes que se ajudam entre si para que todos aprendam coisas novas.

Esse é um dos pontos principais que fazem com que os CEOs desse tipo de empreendimento percebam quem eles querem que continue com eles e quem não.

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>