• Profissional de E-commerce
  • por Profissional de E-commerce
  • O blog Profissional de E-commerce foi criado em outubro de 2012 com o objetivo informar e capacitar o mercado de comércio eletrônico no Brasil.

Proteção de direitos autorais via internet

30 de dezembro de 2013
Share Button
Proteção de direitos autorais. De forma ágil, acessível e prática, os criadores de produtos intelectuais podem registrar suas obras a fim de garantir a autenticidade e integridade dos conteúdos.

Por Rudinei Modezejewski

[Webinsider] O mercado brasileiro acaba de ganhar o primeiro site de serviço independente de registro e comprovação de direito autoral via internet. O serviço gera uma prova de anterioridade acreditação jurídica para um arquivo eletrônico do usuário, protegendo-o contra qualquer forma de plágio, adulteração ou uso ilegal de suas criações. O sistema é batizado de Avctoris (notação extraída do Latim, onde o V representa o som de U em Auctoris).

Proteção de direitos autorais via internet

A solução é indicada para músicos, escritores, roteiristas, designers, ilustradores, tatuadores, produtores de vídeo, publicitários, articulistas, palestrantes, advogados e até para empresários.
O Avctoris atende às exigências internacionais de copyright (Convenção de Berna). A empresa formou parceria estratégica com a RPost, companhia global que detém a patente de E-Mail Registrado e que oferece garantia de autenticidade e integridade para conteúdos registrados via web.
Através das ferramentas da plataforma da RPost, a Avctoris também atesta e documenta o depósito do registro, com todos os detalhes relevantes, como a data de envio do documento, os dados de tráfego pela rede global e o momento de abertura e arquivamento do mesmo por parte da equipe de registro.
A ferramenta RPost foi escolhida exatamente por já ser a mesma adotada pelo órgão mundial de vigilância autoral, a WIPO (World International Property Organization).
Com o novo serviço web, os autores de bens intelectuais conseguem se livrar da burocracia e lentidão dos órgãos governamentais de registro e pagam apenas 9,90 para ter suas criações e direitos autorais preservados.
Além de seguir os padrões internacionais de direito autoral, a iniciativa está de acordo com a legislação nacional de validação de documentos digitais como prova forense já reconhecida e devido à sua capacidade de auditoria e rastreabilidade pode, opcionalmente, ser gerada uma Ata Notarial dando fé pública ao procedimento.
Após o preenchimento das informações básicas (nome, CPF e e-mail), o autor seleciona o arquivo digital da obra a ser protegida e o sistema gera um hashcode correspondente ao arquivo em questão. O hashcode é um código único e inviolável, combinado a um selo digital (carimbo do tempo) que é fornecido pelo BIPM (Escritório Internacional de Pesos e Medidas, no acrônimo em Francês), entidade mundialmente reconhecida para esta finalidade.
Este conjunto de elementos tem aceitação em toda a comunidade científica, Receita Federal, Superior Tribunal de Justiça (STJ), Superior Tribunal Federal (STF), governos estrangeiros e entidades internacionais. Com tais características o registro fornecido pelo Avctoris é válido em 167 países.
Já estava na hora dos autores protegerem seus Direitos Autorais de forma simples, rápida e acessível, finalmente o copyright chegou ao século XXI. [Webinsider]

Publicação original do Webinsider.

Você também vai gostar

Simples Nacional ou MEI? Qual é o modelo ideal para quem vende o... As obrigações tributárias — ou seja, o pagamento de tributos e suas obrigações acessórias — constituem um dos fatores que mais geram dúvidas entre os ...
A fragilidade jurídica dos pequenos empreendedores no marketplac... Oba!! Tô vendendo em um marketplace. Agora vai! Será? Vários clientes e alunos tem nos questionado sobre como responder às demandas jurídicas que enfr...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>