Reputação na Internet. A consultoria Vivaldi Partners divulgou um estudo com as Top 25 empresas que melhor fazem uso das Mídias Sociais no mundo, o desempenho foi medido pela “Social Currency“, um Índice de Reputação da empresa na internet levando em consideração engajamento, repercussão, efeito viral, entre outros.

O ranking conta com gente graúda, entre elas, alguns sites de e-commerce são destaque: Target, The Home Depot, Amazon e Walmart. Ainda aparecem Apple, Coca-Cola, Microsof e Ebay. Veja as campeãs, a primeira colocada eu considero uma surpresa!

#10. Walmart
#9. Microsoft
#8. Amazon
#7. The Home Depot
#5. Verizon
(5 milhões de fãs no Facebook) e Dunkin’Donuts (8 milhões de fãs no Facebook)
#4. Heineken
(Na última campanha viral, eles procuravam contratar um estagiário, veja: The Candidate) (11 milhões de fãs no Facebook)
#3. Target 
(21 milhões de fãs no Facebook)
#2. Google (O Google está no Facebook com 12 milhões de fãs,
mas o Facebook não está no Google +)
#1. Subway (21 milhões de fãs no Facebook, empresa que mais possui fãs ativos)

Top 25 Reputação na Internet
Social Currency Impact Study. 
Subway é a primeira colocada, seguida de perto pelo Google.
Veja o estudo completo.

O estudo ainda foi notícia no site da Revista Exame, assista o vídeo que explica um pouco da presença dos cinco primeiros colocados.

É sempre importante ficar ligado na maneira que estas empresas que obtém resultados significativos se portam na internet. Não existem regras específicas (na maioria dos casos), tudo é uma questão de convenção, está dando certo, todos fazem. É preciso saber a hora certa para inovar ou apenas procurar o resultado mais provável.

Agora, se o Google entra na pesquisa de reputação com a própria rede social, por quê o Facebook não entra?

Renann Mendes
Author

Branding, Content Marketing e Comunicação. Sou Sócio-fundador do Profissional de E-commerce. Desde mar/2019 tenho atuado como consultor, liderando projetos de Branding, Comunicação e Marketing (Nox Bitcoin e Nielsen). De jan/2018 a jan/2019, liderei os times de Branding (Content Marketing, PR, Social Media e Branding), Product Marketing, área de cursos da Foxbit, fintech de criptomoedas e o projeto e primeiro ano de atuação do Cointimes. Entre ago/2016 e set/2017 atuei como head da área de Marketing da Ebit, empresa Buscapé Company, hoje Nielsen, referência em informações, certificação de lojas e inteligência de e-commerce. Entre 2012 e 2016, participei ativamente da estruturação da startup Universidade Buscapé Company, entrei na coordenação de treinamentos de E-commerce e Marketing Digital. Lá assumi também a coordenação de Marketing Digital e Conteúdo da Uni Buscapé e do Profissional de E-commerce. Desde 2013, ministro aulas de Marketing de Conteúdo para E-commerce na Faculdade Impacta e em algumas empresas de internet no formato workshop. Você pode encontrar mais informações em meu perfil do LinkedIn ou marcando um café! ;)

Write A Comment