E-commerce cresce 51% na Black Friday 2014

E-commerce cresce 51% na Black Friday 2014

by -

Foram registrados mais de 2 milhões de pedidos na Black Friday 2014. Na busca pela melhores ofertas, usuários aumentam em quase 500% acesso ao site do Buscapé. As ofertas atraíram 1,2 milhão de consumidores em todo o País, sendo que 18% desse público realizaram sua primeira compra online

A Black Friday deste ano no Brasil resultou num faturamento de R$ 1,16 bilhão, o que representa um crescimento nominal de 51% em relação a 2013. A informação refere-se às vendas realizadas somente na sexta-feira (28). Se formos considerar também as compras efetuadas na véspera, o valor chega a R$ 1,4 bilhão, 51% maior que o ano anterior, já que muitas das ofertas estavam no ar desde quinta-feira, ação que atraiu muitos consumidores por antecipação.

Para o diretor executivo da E-bit, Pedro Guasti, a previsão foi confirmada, já que a cada ano o evento ganha maior adesão do varejo e do próprio público. “O faturamento da Black Friday neste ano atingiu a expectativa que aguardávamos e representou o maior faturamento em um único dia no e-commerce”, assinala.

Os pedidos da sexta-feira chegaram a 2,2 milhões com o tíquete médio de R$ 522 – um crescimento de 32% em relação à última edição. Segundo o diretor, “a elevação do tíquete médio foi reflexo do aumento da confiança na data pelo consumidor e a possibilidade de efetuar bons negócios e economizar, muitas vezes para antecipar as compras de Natal”.

As ofertas atraíram o total de 1,2 milhão de consumidores únicos, sendo que 18% deles aproveitaram o momento e realizaram sua primeira compra pela Internet. As categorias que mais venderam no dia da Black Friday foram Telefonia e Celulares, Eletrodomésticos, Moda & AcessóriosInformática e Eletrônicos.

blackfriday2014

Em comparação a uma sexta feira comum (no caso, a última sexta feira de outubro de 2014), a Black Friday se destacou por superar dados nos seguintes quesitos: 867% no faturamento; 619% na quantidade de pedidos; e 536% em número de consumidores únicos.

A situação se repete no mobile commerce com 609% de aumento no faturamento e 600% na quantidade de pedidos. Na plataforma móvel, os shares transacional e financeiro foram de 7%.

Veja mais números do E-commerce: E-bit: Os números do E-commerce no Brasil

Site do Buscapé registra crescimento

No Buscapé, líder global em comparação de preços, o volume de acessos no dia 28 de novembro subiu quase 30% em comparação ao evento do ano passado (somente o dia oficial). Com relação a uma sexta-feira normal, o aumento do tráfego foi de 494,5%.

Já se considerarmos três dias de ofertas (de quinta-feira a sábado), visto que as lojas ofereceram descontos além do dia 28, o aumento no número de usuários pesquisando preços no site foi de 16,5% em comparação a 2013 e 275,6% em relação a estes mesmos dias na semana anterior.

2 COMMENTS

  1. Eu tive a sensação oposta aos números, talvez porque conseguimos acessar os sites e os lojistas se prepararam de verdade para o momento.
    A sensação foi de que não estava tão difícil comprar, e então parecia não ter movimento (acesso) nos sites.

    Mas foi proveitoso, espero que ano que vem seja melhor ainda.

DEIXE UM COMENTÁRIO