• Maria Gabriela
  • por Maria Gabriela
  • Olá! Pode me chamar de Gabi, tenho 19 anos, sou estudante do quarto semestre de Jornalismo e amante de Marketing Digital. Atualmente realizo estágio em Link Building na agência SEO Marketing, qual é minha primeira experiência na área da Comunicação.

Logística é um dos principais problemas na Black Friday: Veja como evitar que seu e-commerce passe por isso

8 de novembro de 2018
Share Button

Saiba o que evitar e dicas para conseguir fazer o seu negócio funcionar em uma das épocas mais lucrativas do ano

A Black Friday é uma das épocas mais lucrativas do ano para o setor de e-commerce, mas você deve ficar atento aos perigos logísticos que a data oferece. Usar self storage, analisar a demanda do público, cuidar da segurança e entrega da sua loja, tudo pode ajudar a evitar problemas nesse período.

Há alguns anos, a Black Friday começou a cair no gosto do público brasileiro, gerando mais uma data lucrativa para o comércio online. De acordo com números da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, a ABCOmm, as lojas virtuais brasileiras movimentaram R$ 2,48 bilhões no período da Black Friday em 2017.

Segundo a associação, foram feitos mais de 10 milhões de pedidos, com um valor médio de R$ 246, além de as lojas terem notado um aumento de visitantes nos seus sites de 30,4% na semana da 20 a 26 de novembro de 2017.

Só que com a popularidade da data no Brasil, depois de se tornar tradição nos EUA, vieram os problemas.

A Black Friday americana é conhecida pelos seus descontos que atiçam o bolso dos consumidores, mas a brasileira ainda sofre com descontos problemáticos, assim como com entregas atrasadas.

Pensando nisso, é interessante se preparar para a data, com algumas dicas que podem ajudá-lo a garantir o sucesso de sua loja online.

Conheça o perfil do seu consumidor

Saber exatamente quem compra os produtos que você vende é muito importante na hora de planejar as suas vendas e entregas. Conhecendo esses dados, você pode traçar um perfil e ter ciência de onde posicionar sua mercadoria para otimizar entregas e valores.

Existem consultorias que prestam atendimento para ajudar lojistas com essas informações, que se mostram preciosas em momentos de grande fluxo de vendas.

Saiba planejar o seu estoque

Tendo em consideração quem você está atendendo, é interessante planejar o seu estoque de acordo com a demanda. Durante a Black Friday, é importante manter um estoque adicional para conseguir atender a todos sem correr o risco de ficar sem o produto, o que exigiria um período maior para a entrega.

Caso você não conte com espaço hábil, entrar em contato com empresas de self storage, que atendem a pessoas físicas e jurídicas, pode ser uma opção viável, já que esses espaços permitem o armazenamento de qualquer tipo de material.

Essa opção também pode ajudar em casos que uma região demonstra interesse em um tipo específico de produto que sua loja virtual oferece.

Caso seja possível, deixar um estoque em uma região que solicita mais de um tipo específico de produto pode baratear custos de envio, agilizando a entrega e aumentando a satisfação de seus clientes.

Espaços de self storage podem ser bastante úteis nessas situações, deixando sua mercadoria em segurança para uma eventual retirada de uma companhia parceira de entregas.

Investimento em divulgação

Durante o período de Black Friday, lojistas do Brasil inteiro buscam chamar a atenção dos consumidores. Um bom meio de se destacar entre os milhares de concorrentes é investir em marketing digital.

Através do marketing digital, você consegue fortalecer a sua loja nos espaços de acesso dos clientes que você deseja alcançar, tornando-se uma opção forte para eles durante esse alto período de vendas no ano.

Trabalhar a imagem de seu estabelecimento, assim como criar formas leves e atraentes no âmbito digital é bastante importante e não pode ser ignorado durante todo o ano, mas merece uma atenção especial a partir de outubro até dezembro, com a chegada da Black Friday e das festas de final de ano.

Blinde sua loja contra fraudes

Um dos maiores problemas da Black Friday no Brasil é o alto índice de fraudes que acontecem anualmente. Muitos lojistas, nas semanas que antecedem a data, manipulam os preços de seus produtos, aumentando consideravelmente seus preços, apenas para retorná-los aos seus valores originais como se fossem descontos.

É muito importante que sua loja não pratique essa ação, por motivos éticos e para passar total transparência dos seus negócios para os clientes. Dessa forma, você consegue criar um elo de confiança com eles.

É também aconselhável que você cuide da segurança do seu ecommerce para garantir que sua loja estará no ar e que os dados dos clientes estejam sempre seguros e longe das mãos de hackers. Conseguir certificados digitais para se assegurar disso pode ajudar, com o tempo, nas suas vendas.

Cuidados nas entregas

A entrega de produtos durante as vendas de fim de ano pode gerar vários transtornos para seus clientes. Uma boa solução para isso é estudar parcerias com empresas de logística que fazem entregas em todo o país.

Apesar de os Correios ainda serem a forma mais simples de enviar produtos para todo o território nacional e fora do país, a alta demanda e burocracia da empresa pode acabar atrasando suas entregas.

Além disso, muitas vezes, os Correios não conseguem garantir a integridade dos seus produtos até a chegada no seu destino, portanto, é importante também encontrar alternativas viáveis para realizar suas entregas.

Essas são algumas ideias que podem auxiliar na hora de enfrentar um possível aumento pontual de vendas de produtos de seu ecommerce. Cuidando da logística, armazenamento e da entrega de sua mercadoria, as chances de as vendas aumentarem e ainda criar um elo de confiança dos consumidores com sua loja é muito grande, garantindo futuras vendas.

Você também vai gostar

Campanhas de Marketing Através de Cupons No último dia 1 de agosto tivemos o Curso online ao vivo gratuito "Campanhas de Marketing Através de Cupons", ministrado pela professora Nara Iachan, ...
Aplicativo Facebook Messenger promete revolucionar o jeito de co... O aplicativo pode ser usado como loja virtual, em plataforma independente. Entenda como deve funcionar o Facebook Messenger para negócios O Facebook r...
Como seria um e-commerce na vida real? Já imaginou como seria um processo da venda de e-commerce dentro de uma loja física? O ideal seria existir o mesmo processo na loja física e na virtua...
Mercado de vendas online de viagens no Brasil deve manter cresci... Segundo a eMarketer, um dos mercados online mais promissores do Brasil (que habitualmente fica de fora dos dados divulgados no E-commerce brasileiro) ...
Aprenda como deixar seu e-commerce mais rápido Pesquisas comprovam que a velocidade da loja virtual está diretamente relacionada à taxa de conversão. Três segundos. Esse é o tempo desejado pelo con...
5 dicas para aumentar a conversão de seu e-commerce usando conte... Uma estratégia de marketing de conteúdo bem definida e executada está deixando de ser um diferencial e se tornando cada vez mais uma necessidade para ...
Fraude ao comprar pela internet: a quem recorrer? Comprar pela internet é prático, não toma muito tempo e nem exige deslocamento. Por essas e outras razões, o comércio eletrônico tem crescido a cada d...
M-commerce: o principal driver de crescimento do comércio eletrô... Após registrar pela primeira vez retração no número de pedidos no primeiro semestre de 2016, o e-commerce brasileiro voltou a registrar crescimento e ...
Qual é a sua estratégia para o m-commerce? Os dados mais recentes mostram que as pessoas estão adquirindo o hábito de acessar uma loja online, pesquisar produtos e fechar a compra por meio da t...
Estratégia Social: 50 percepc?o?es testadas e aprovadas O Doutor E-commerce traduziu o e-book com os resultados da Turnê Marketing Social Rockstar, realizada pela Marketo. Nele temos o foco em na estratégia...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>