Tags Posts tagged with "imagens de autoria"

imagens de autoria

Por Raphael Simoni, da Conversion. Talvez poucos tenham reparado, mas caso você não tenha notado, o Google não exibe mais fotos de autoria em sua página de busca. Alguns podem até ter se perguntado: será que o Google me achou feio?

Não, acho este não foi o caso, mas uma declaração de dentro do Google vem causando certo alarde entre profissionais de SEO e administradores de sites. Após anunciarem duas novas atualizações em seu algoritmo e um redesign nas suas páginas de resultados, desta vez o aviso foi curto e grosso: o Google está removendo as imagens de autoria da maioria dos resultados de busca.

Além da foto, o número de círculos que era vinculado ao seu perfil no Google+ também sumiu. Essas mudanças podem afetar diretamente no tráfego do seu site e, consequentemente, no posicionamento de suas páginas.

A declaração foi feita por John Mueller, analista de Web Trends do Google, em seu perfil no Google Plus dia 25 de junho:

Como ficam os resultados? Google anuncia fim de imagem para autoria.

“Estamos trabalhando duro para limpar o visual das páginas de busca, com o objetivo principal de criar uma melhor experiência mobile e um design mais consistente para dispositivos móveis. Como parte disso, estamos simplificando a forma como o Authorship é exibido nas buscas em dispositivos móveis e desktops, retirando a foto de perfil e a quantidade de círculos. (Nossos testes indicam que a taxa de clique após essa mudança é bem próxima à anterior)”.

Para quem não sabe, o Authorship, lançado em 2012, é responsável por relacionar seus artigos com a sua autoria nas páginas de busca do Google, sendo exibida a sua imagem, seu nome e a quantidade de círculos do Google+ que você faz parte. Assim:

Como ficam os resultados? Google anuncia fim de imagem para autoria.

Mas se você checar agora (tanto na SERP quanto na ferramenta de teste de dados estruturados), ela está assim:

Como ficam os resultados? Google anuncia fim de imagem para autoria.
Repare que o link no seu nome direcionando para o seu perfil continua.

Ocorreram também mudanças nos resultados do Google News, onde além da imagem da própria notícia, é exibida uma pequena foto do autor do artigo:

Como ficam os resultados? Google anuncia fim de imagem para autoria.

Eu mesmo havia escrito um artigo sobre a importância do Authorship para o Branding. E agora? O Authorship morreu? Perdeu a importância? Ainda vale a pena? Vamos entrar nisso!

Por Queeeeee???

A declaração de John Mueller faz sentido se relacionarmos ao fato de que o Google se preocupa cada vez mais com o conceito de Mobile First, priorizando a forma como os usuários lidam com buscas realizadas em smartphones, tablets ou seja lá qual for o novo dispositivo que irá aparecer em um futuro muito próximo.

Relacionando essa mudança com o novo design da página de buscas (fonte maior, remoção da linha sublinhada, retirada do fundo amarelo na parte dos Links Patrocinados), pode ser um argumento bem válido dizer que aquelas fotos tomam um espaço considerável em telas pequenas, mas ao mesmo tempo está na contramão da ideia de que a internet move-se cada vez mais para uma experiência visual. A imagem de autoria não seria um bem para essa evolução?

O Autorship tem impacto sobre o CTR?

Vamos ser honestos. Uma das coisas mais legais em linkar sua foto com o seu artigo era justamente o seu rosto aparecer ali. Este era um dos principais motivos que levavam alguém a configurar o Authorship. Mas antes fosse apenas um problema de vaidade: essa mudança pode afetar sim o seu CTR (Click-Through Rate).

Há dois anos, um dos argumentos fortes do Google sobre vincular sua imagem ao seu artigo era de que uma boa foto poderia resultar em mais cliques (embora isso nunca tenha sido de fato comprovado), mas apesar das afirmações recentes de que os novos testes não indicaram grandes diferenças em relação à taxa de cliques, a imagem abaixo fala por si mesma:

Como ficam os resultados? Google anuncia fim de imagem para autoria.

A imagem acima foi extraída de um artigo escrito há um ano por Justin Briggs (How does Google Autorship impact CTR?), Gerente Sênior de Marketing da Getty Images, onde ele analisa com profundidade a influência do Authorship sobre a taxa de cliques (ou CTR).

Podemos notar no heatmap que as áreas mais intensas são aquelas onde estão a foto de autoria e, mais que isso, o link clicado foi justamente o resultado que traz a imagem. Antes da existência do Authorship, usuários tinham a tendência de clicar nos primeiros resultados que o Google oferecia, mas, após, essa experiência mudou radicalmente. O resultado foi um aumento da taxa de cliques naqueles resultados que traziam marcação com imagem de autoria mesmo estando abaixo dos primeiros resultados.

Devo continuar com o meu Autorship?

Sim. O Google nunca disse que está acabando com a marcação, está apenas remodelando-a. A autoridade de conteúdo baseada na autoria continua valendo, ainda mais sabendo que o próprio Matt Cutts, chefe de busca de spam do Google, disse recentemente em uma conferência que o “Authorship continuará tendo cada vez mais importância”. Veja que, apesar dessa declaração soar um tanto quanto contraditória, ele afirma no tempo futuro!

Apesar da mudança drástica, o Authorship continua qualificando artigos por seus autores, ainda que só o seu nome apareça. Ele não foi abandonado e não há nenhuma mudança nas diretrizes do Google sobre isso, podendo ser implementado da mesma forma de sempre, seja através de verificação de e-mail ou linkando seu conteúdo com o seu perfil no Google+.

Se você já tem o seu Authorship configurado, você pode analisar se houve alguma mudança no seu CTR através do Google Webmaster Tools, desde que o seu site esteja cadastrado nessa ferramenta. Vá até a guia Google Labs e depois clique em Estatísticas do Autor para saber quantas vezes o seu artigo com a sua foto apareceu na página do Google e relacione esses dados com o número de cliques que você recebeu. Ou seja: número de impressões / número de cliques = CTR (Taxa de Cliques).

Portanto, amigos, mesmo que o seu rosto não apareça mais ao lado do seu artigo, há ainda muitos motivos para continuar a investir em autoridade de conteúdo, principalmente porque essa é uma das métricas mais eficientes utilizadas pelo Google para avaliar o conceito de entidade e semântica na web.

Texto do Raphael Simoni para o Blog da Conversion.