Qual é a melhor hospedagem para um site?

Para os proprietários de empresas, esta está longe de ser uma questão ociosa. Afinal, se você fizer a escolha certa, anos de felicidade e paz o aguardam com um hoster confiável e de alto desempenho que está sempre disponível por telefone, chat ou e-mail e pronto para esclarecer suas dúvidas.

Obviamente, a escolha de um provedor de hospedagem não deve ser precipitada, pois exige um estudo atento de todas as ofertas. Ninguém quer que seu projeto de longo prazo caia no esquecimento por causa da desonestidade e incompetência de alguém.

Por isso fizemos um guia passo a passo de como escolher um provedor de hospedagem confiável.

O que é uma hospedagem para sites?

Os ficheiros do seu site devem estar fisicamente localizado em algum servidor. Em teoria, poderia ser o seu próprio computador, mas na prática é quase impossível para um usuário inexperiente. Para isso você precisará:

  • De um computador super potente que deverá estar permanentemente conectado à internet sem qualquer interrupção , protegido de picos de tensão e outros efeitos adversos (vírus, ataques de hackers e DDOS).
  • A conexão com a Internet deve ser muito rápida e sem problemas;
  • A instalação e o suporte de software especial são necessários.
  • Você deve ter conhecimentos avançados nesta área .

É difícil para um iniciante em assuntos de informática preencher essas condições. É muito mais fácil entrar em contato com empresas que prestam serviços de hospedagem; serviços que considero confiáveis você encontra aqui. O espaço em disco no servidor é alugado pelo proprietário do site por uma taxa. Existem também serviços de hospedagem gratuitos, sobre os quais falaremos também.

Na Internet, você pode encontrar um grande número de provedores de hospedagem. Você pode levar horas ou semanas para encontrar um provedor de hospedagem adequado – afinal, à primeira vista, todos os serviços são semelhantes. A escolha é uma questão complexa, especialmente quando se depara com tantas opções.

Vamos definir quais são os critérios que você deve seguir para fazer uma escolha acertada:

A principal coisa a partir da qual vamos olhar ao selecionar os parâmetros de hospedagem: É o seu site. Você precisa saber o seguinte:

  • Objetivo do site: cartão de visita, blog, loja online, portal de informações. Quanto de dados e tráfego serão necessários?
  • Será um pequeno site apenas para seu entretenimento, ou um grande projeto comercial que requer recursos e sistemas de segurança? Os requisitos de hospedagem nesses casos serão completamente diferentes.
  • Em qual linguagem de programação ele foi escrito, qual CMS ele usa?
  • Você terá apenas um site ou precisará executar vários?
  • Qual é a sua formação técnica? Você será capaz de resolver problemas emergentes por conta própria ou precisará de suporte constante?

Agora que você sabe que tipo de site possui, imagine em termos gerais quais recursos serão necessários para seu bom funcionamento. Vamos agora ver quais tipos de hospedagem estão disponíveis e como eles o ajudarão a resolver seus problemas.

Hospedagem grátis

Você pode pesquisar na web e escolher uma hospedagem gratuita para o seu site. Parece tentador, certo? Infelizmente, esse tipo de hospedagem tem apenas uma vantagem global – é gratuito, mas as desvantagens que você pode encontrar são muito maiores:

  • Recursos e serviços limitados – espaço em disco, bancos de dados, linguagens de programação;
  • Nome de domínio de terceiro nível – para uma empresa que se preze é indigno;
  • Blocos de publicidade que surgem nos lugares mais inesperados;
  • Falta de suporte técnico, instabilidade de trabalho.

As tarifas de hospedagem paga não são tão altas, mas há muito mais vantagens.

Porém, há momentos em que a escolha de uma “hospedagem gratuita” é bem viável.

Por exemplo:

  • Se você acabou de entrar no mundo das tecnologias da web e deseja praticar.
  • Criar um site de cartão de visita simples para um projeto sem fins lucrativos com um orçamento limitado.
  • Deseja mudar algo em seu projeto (por exemplo, configurar scripts) e precisa de um campo de testes – a opção gratuita pode ser perfeita para você.

Afinal, você pode migrar para hospedagem paga a qualquer momento.

Hospedagem paga

As empresas de hospedagem fornecem um conjunto de planos e tarifas, desde os mais baratos – cerca de 8 dólares por mês, até os mais caros, cujo custo pode chegar a dezenas de milhares por mês. Qual é a diferença?

De acordo com a maneira como o espaço do servidor é alocado. A hospedagem pode ser:

  • Virtual ( Compartilhada);
  • Fisica;
  • VPS (VDS);
  • Na nuvem.

Hospedagem Compartilhada

Este é o tipo de hospedagem mais barato e comum para sites pequenos. Seu site será hospedado no servidor da empresa junto com os sites de outros usuários com os quais você compartilha todos os recursos do servidor. Pode haver centenas ou milhares desses sites. Os usuários não têm acesso ao gerenciamento do servidor.

Benefícios:

  • Preço baixo;
  • Em comparação com hospedagem gratuita – mais recursos, suporte técnico;
  • Não requer profundo conhecimento técnico – você apenas administra seu site.

Desvantagens:

  • Se houver uma carga pesada no servidor, o desempenho cai, mesmo que essa carga seja criada não pelo seu site, mas pelos “vizinhos”
  • Incapacidade de configurar e alterar o software do servidor;
  • O espaço em disco e a largura de banda são limitados. dependem do número de sites hospedados no servidor.

A hospedagem compartilhada é adequada para iniciantes, bem como para proprietários de pequenos projetos, nos quais não se espera muita carga. Se você está planejando um blog, uma loja online de médio porte ou um site de cartão de visita, a hospedagem virtual é ideal para você.

Hospedagem física

O tipo de hospedagem mais cara. Sua essência reside no fato de que o proprietário do site coloca o site em um servidor dedicado fornecido para aluguel (ou, talvez, por conta própria) no território do hoster. Todo o servidor está à disposição de um proprietário.

Benefícios:

  • Não há restrições de recursos, largura de banda e carga do servidor. Todos esses parâmetros dependem apenas das características técnicas do servidor;
  • A capacidade de personalizar o servidor para atender às suas necessidades.

Desvantagens:

  • Preço Alto;
  • A necessidade de conhecimentos especiais para administrar o servidor (ou a presença de um especialista na equipe).

Este tipo de hospedagem é adequado para grandes projetos: grandes lojas, portais com muitos usuários, redes sociais e grupos de sites.

Hospedagem VPS

A hospedagem VPS (ou VDS ) é uma combinação entre um servidor dedicado e hospedagem compartilhada. Um “servidor virtual” é organizado no servidor para cada proprietário de site, ao qual ele tem acesso total.

Esses servidores virtuais não dependem uns dos outros, cada um tem seu próprio sistema operacional e seus próprios recursos destinados a apenas um usuário.

Benefícios:

  • Comparado com a hospedagem física – preço razoável;
  • Comparado à hospedagem compartilhada – mais recursos e desempenho;
  • Capacidade de administração do servidor.

Desvantagens:

  • Como no caso de um servidor dedicado – a necessidade de conhecimento técnico aprofundado;
  • O preço pode ser alto para iniciantes.

Se os recursos e o desempenho não são suficientes para planos de hospedagem compartilhada e um servidor dedicado é muito caro e complicado, então o VPS é a sua escolha.

A hospedagem VPS é adequada para projetos como lojas online, portais de notícias e entretenimento e blogs populares.

Hospedagem na Nuvem

À semelhança de outras tecnologias de nuvem, este alojamento implica a utilização de recursos distribuídos, nomeadamente os recursos de vários servidores ao mesmo tempo. A carga nos servidores é distribuída dinamicamente.

Benefícios:

  • Flexibilidade de configurações: você pode escolher a configuração de recursos necessária;
  • Escalabilidade fácil do projeto;
  • Existem opções de pagamento apenas para os recursos que foram usados;
  • Sem dependência na carga do servidor.

Desvantagens:

  • Em comparação com um servidor dedicado – a falta de acesso total ao servidor;
  • Alguns problemas de segurança.
  • Essa opção de hospedagem também vale a pena considerar para proprietários de projetos razoavelmente grandes.
  • Recursos e serviços para vários tipos de sites

Vamos dar uma olhada resumida em quais recursos serão necessários para a hospedagem, dependendo das características técnicas e do tipo de site.

  • Se o seu site consiste em várias páginas estáticas escritas em HTML e CSS usando JavaScript, você não precisa fazer nenhum requisito especial de hospedagem. Fique à vontade para escolher a taxa mais baixa.
  • Se o seu site for criado em um dos CMS populares, como WordPress ou Joomla, a hospedagem deve definitivamente suportar bancos de dados PHP e MS SQL. Além disso, há uma lista de condições técnicas exigidas para cada sistema – leia-a antes de comprar a hospedagem.
  • E para um site WordPress, e para Joomla, e para outros sistemas, também é desejável que a hospedagem forneça um serviço de instalação CMS de um clique – isso é conveniente para um usuário que não tem conhecimento especial e economiza tempo.

Qual hospedagem escolher para uma loja online depende da escala do projeto.

A tarifa deve ser selecionada de acordo com o tráfego planejado, o volume de vendas e o número de mercadorias. A tarifa deve incluir bancos de dados.

Além disso, qualquer projeto comercial precisa proteger os dados do usuário, ou seja, o hoster deve fornecer certificados SSL.

Write A Comment