Sortimento de produtos: Lojistas precisam se preparar para a Black Friday

17 de outubro de 2017
Share Button

Segundo estudo Panorama dos Marketplaces, realizado pela Precifica em parceria com a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), que avalia o desempenho dos shoppings centers virtuais em diversos aspectos, no primeiro trimestre de 2017 houve uma queda na quantidade de produtos ofertados nesses canais. O dado caminha no sentido oposto da economia nacional, que está em um momento de retomada sutil.
Mais sobre o estudo:

Estudo mostra aumento de 32,1% no número de varejistas nos marketplaces no segundo trimestre


Os lojistas que comercializam seus produtos nos marketplaces estão em um período de preparo para a Black Friday, que ocorrerá na última sexta-feira de novembro, dia 24. A data é considerada a mais importante para o varejo on-line, pois diversos consumidores se programam para aproveitar os descontos provenientes do dia para já efetuar as compras de Natal.
O levantamento indica queda de 8,8% no número de artigos oferecidos, o que representa uma diminuição de 4,5 milhões para 4,1 milhões em produtos anunciados. Ao mesmo tempo que se preparam para a Black Friday, os pequenos e médios lojistas precisam acompanhar com urgência as empresas maiores que têm aumentado sua participação e lucro.

O momento é ideal para o investimento nos Marketplaces, pois as lojas centralizadoras atraem um público grande e variado, que buscam preços convidativos e boas experiências de compra. A diminuição de itens anunciados abre uma oportunidade para os vendedores, que podem aproveitar essa abertura no setor para ingressarem em um dos principais segmentos do comércio eletrônico brasileiro.
E a oportunidade vai além em alguns casos: os marketplaces inovam no modelo de negócio, transferindo seus produtos e estoques para o inventário de parceiros, ou seja, deixam de comprar artigos de algumas categorias, operando apenas com itens de terceiros.
Leia também:

Por que o marketplace é o assunto do momento no e-commerce?


Sobre os produtos mais vendidos em marketplaces:

Os 8 produtos mais vendidos nos marketplaces

Você também vai gostar

Previsão de vendas no Black Friday 2013: Aumento de 60% Previsão de vendas no Black Friday 2013. As vendas do comércio eletrônico devem crescer 60% durante o Black Friday, evento que ocorre em 29 de novemb...
Modelo integrado de plataforma de e-commerce facilita abertura d... FecomercioSP, Buscapé e JET e-Commerce lançam plataforma de e-commerce que facilita abertura de lojas virtuais. Parceria une expertises e leva a empre...
Assista: Melhore suas vendas com comparadores de preço Você sabe qual é a melhor forma de divulgação para uma loja virtual? A resposta é fácil: é aquela que dá maior retorno sobre o que você investiu (ROI)...
Vagas para o Profissional de E-commerce Com a crise que está afetando nosso país o desemprego está aumentando consideravelmente independente da área de atuação e profissão. A boa notícia é q...
Faturamento na Black Friday deve chegar a R$ 2,43 bi no e-commer... Expectativa é de crescimento de 15% com relação a 2017 e mais de 4 milhões de pedidos online O comércio eletrônico deve faturar R$2,43 bilhões durante...
100 pedidos em 30 dias: Uma experiência inédita no E-commerce br... A Experiência do Cliente, ou Customer Experience, é o assunto da vez no e-commerce americano e mundial. Conforme estudo realizado pela renomada consul...
5 motivos para não maquiar preços no Black Friday O Black Friday 2013 está chegando e promete movimentar R$ 390 milhões em vendas, mais de 50% a mais do que o ano passado. Me parece que o dia 29/11 ir...
Com forte expansão das compras via mobile, faturamento do e-comm... Ao contrário dos dois últimos anos, crescimento foi motivado pela alta no volume de pedidos A Black Friday gerou faturamento de R$2,1 bilhões no e-com...
O perfil do internauta que compra na Black Friday? Mais uma Black Friday se aproxima. Neste ano, a data que é considerada o segundo Natal para muitos lojistas pois movimenta a economia e estimula o con...
Ruptura no catálogo de produtos no e-commerce ainda é o principa... A análise constante da ruptura do catálogo de produtos é uma demanda primordial para a definição de estratégias, tanto na indústria quanto n...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

2 comentários sobre “Sortimento de produtos: Lojistas precisam se preparar para a Black Friday”

  • Avatar

    É uma pena que na maioria das lojas tudo não passa de um grande engodo, os produtos estão com os mesmos preços o que muda é só o marketing, umas placas enormes com a palavra “promoção”, e o consumidor sendo lesado mais uma vez, claro que tem pequenas exceções.

  • Avatar

    Esse é um momento em que as lojas precisam realizar um trabalho sério.Os consumidores estão cada vez mais atentos aos preços.Se os lojistas realmente promoverem descontos seus clientes com certeza comprarão sem dúvidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>