Como contratar uma assessoria de imprensa para sua empresa?

13 de fevereiro de 2017
Share Button

Vivemos a era da especialização. Não temos só ortopedistas, temos ortopedistas especialistas em pé. Mas não é qualquer pé, é no pé direito ou especialistas em pé esquerdo, especialistas em calcâneo e assim vai.

No jornalismo não poderia ser diferente. Temos os especialistas em política, economia, esporte e os especialistas na arte de transformar seus clientes em notícia. Que clientes? Pode ser o Chitãozinho e Xororó, pode ser o CRM -Conselho Regional de Medicina, a OAB ou a KRJ, especializada no desenvolvimento e fabricação de conectores elétricos para redes aéreas.

As necessidades da KRJ são necessariamente diferentes das necessidades do Chitãozinho e Xororó. Dai a necessidade da especialização, especialmente quando levamos em consideração o público alvo de ambas.

Sempre é importante definir porque um conjunto musical, uma entidade de classe, pessoa física ou empresa necessitam de assessoria de imprensa. Qual é a razão pela qual querem ampliar a sua visibilidade? Serem vistas e conhecidas? Criarem e tornar público um novo produto ou um novo conceito? Se tornarem autoridades em um determinado assunto? Ou simplesmente se diferenciarem da concorrência para tentar aumentar o faturamento?

E essa pergunta vai determinar que tipo de empresa de assessoria de imprensa  deve ser contratada, com a ressalva de que a alta especialização do assessor está diretamente relacionada ao tipo de resultado que ele gera.

Eu diria que a especialização na indústria é uma das mais árduas tarefas a que um assessor pode se propor. Se toda a grande imprensa sempre está interessa em assuntos relacionados à música sertaneja ou às grandes celebridades, o mesmo não acontece com novos centros de usinagem lançados no mercado para atender à indústria de base ou novos botões capazes de melhorarem o acionamento de grandes centrais de produção ou sistemas de grande porte.

O Universo industrial é amplo, complexo, mas determinante para o desenvolvimento de qualquer país. É a indústria que gera emprego em massa, que desenvolve regiões quando implantada, causando desenvolvimento e impacto social positivo.

Mas para escrever sobre isso e, mais ainda, transformar essa realidade em notícia é preciso mais do que entender de pautas e horários de fechamento de grandes redações. É preciso uma especialização macro, em business to business e falar a língua e entender a realidade da empresa que contrata o serviço de assessoria de imprensa e da empresa que vai comprar o produto divulgado.

Existem jornalistas especializados , existem veículos mais especializados ainda, cuja pauta gira em torno desses avanços tecnológicos e especificidades de cada área. Temos revistas como Brasil Mineral, Petro& Química, Controle e Instrumentação, Brasil Energia. Blogs que cuidam de reciclagem, logística e sustentabilidade. Não basta conhecer jornalismo, é preciso conhecer a indústria que será assessorado, seus produtos, serviços e diferenciais competitivos.

Para gerar resultados nesse segmento é preciso competência, mas acima de tudo conhecer a linguagem e as necessidades específicas desse segmento que merece destaque na imprensa nacional, não só  pela sua grandeza, mas pela importância no desenvolvimento do País.

Você também vai gostar

5 ferramentas para turbinar o Instagram O Instagram está crescendo cada vez mais no país e alcançando resultados significativos para negócios de diversos segmentos. No fim de 2015, a rede so...
Atrair ou Fidelizar clientes: qual deve ser sua prioridade? Uma empresa para ser bem sucedida deve ter uma equipe de vendas capaz de atrair e fidelizar clientes. O segredo da equipe de vendas está no equilíbrio...
O que é a jornada de compra e qual é a sua importância Atualmente, é indispensável para qualquer empresa investir em marketing digital e na criação de conteúdo relevante para o seu público e os motivos são...
5 tendências em Marketing Digital para 2014. No Marketing Digital, fazer previsões sobre tendências é um desafio e tanto, pois a velocidade com que novas tecnologias surgem torna complexa a taref...
Como vencer na Corrida do Marketing de Conteúdo Utilizar o Marketing de Conteúdo como estratégia de captação de leads qualificados (Inbound Marketing), ou para potencializar o relacionamento com os ...
O poder da Informação Desde 2017, o mercado de bitcoin já conta com mais pessoas físicas que grandes modelos de investimentos tradicionais, como a bolsa de valores. As...
20 dicas para vender bem os produtos do seu ecommerce E agora? Assim que tudo estiver funcionando, é hora de começar a gerar tráfego para sua loja online e realizar vendas. Independentemente de você estar...
Livestream para e-commerce: Uma poderosa ferramenta de Marketing... A criação de conteúdo original através de posts em blogs e redes sociais têm sido uma poderosa ferramenta para gerar leads. Com a interação contínua, ...
Entenda cada etapa do processo de criação de personas A criação de Personas é uma ferramentas que as empresas utilizam para entender melhor o perfil e o comportamento dos seus clientes. Pela base de usuár...
Os 5 principais erros cometidos por blogueiros (e como evitá-los... Ter blog é divertido, cria presença na internet e traz um excelente retorno. Apesar de simples, contudo, requer alguns cuidados de criação e manutençã...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Um comentário sobre “Como contratar uma assessoria de imprensa para sua empresa?”

  • Avatar

    Muito bom artigo, claro que precisamos de um especialista porém nunca tinha pensado dessa maneira até ler seu texto. Tenho uma pequena/media empresa aqui em osasco e estou pensando seriamente em contratar um assessor de imprensa para me ajudar a divulgar meu trabalho. Você recomenda alguma empresa que possa me ajudar? Teria que ser alguém que atenda empresa do meu porte, no ramo de tatuagem e arte corporal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>