Crise econômica vs. Digital Commerce no Brasil

22 de maio de 2014
Share Button

Digital Commerce no Brasil. Não é segredo, que o mundo vive um momento econômico delicado e desta vez o Brasil não ficou de fora, como no período da bolha econômica devido a crise hipotecária dos Estados Unidos (em que o Brasil conseguiu não ser tão afetado em detrimento de intervenções estatais na economia tais como, facilitação de crédito queda/redução do IPI etc… ).
Desta vez parece que ninguém conseguiu fugir da crise, inclusive o Brasil, o IBC-Br (que é o índice de atividade econômica do Banco do Brasil) registrou Queda de 0,11% em março, mas em contra partida de 26 de abril a 10 de maio foram realizadas 4,5 milhões de compras via e-commerce, Moda e Acessórios foram os mais cotados representando 41% desse crescimento, Eletrodomésticos em segundo lugar correspondendo 27% desse valor (em sua maioria devido a aquisição de TVs, fato atribuído provavelmente a proximidade dos jogos da Copa do Mundo).
Em abril o ICE (indicador ifo/FGV de clima econômico), atingiu 71 pontos, a pior queda desde janeiro de 1999. Para termos uma ideia, no ponto mais crítico da crise mundial em 2009 o Brasil atingira 78 pontos, nesse índice valores acima de 100 são considerados favoráveis e abaixo desfavoráveis, porém na última década temos mantido uma média de cerca de 121 pontos. O índice atual é de 68, e mesmo assim em maio  o E-commerce teve uma alta nominal de 51% no dia das mães faturando 1,6 bilhões, segundo a E-bit.
O panorama geral mostra, que realmente não está fácil para ninguém, o varejo se mostrou insatisfeito com as vendas do Dia das Mães, porém como vimos as vendas em e-commerce surpreenderam, o OCDE (Organização de cooperação e desenvolvimento Econômico) reduziu a previsão de crescimento econômico brasileiro para 2014 de 2,2% para 1,8%.

Veja mais: Dados do mercado de E-commerce no Brasil.

Realmente parece que a revista britânica The Economist estava certa ao fazer uma alusão de dois períodos da economia brasileira, em uma edição (2009) o Cristo Redentor estava decolando, o mercado nacional estava aquecido e houve o surgimento de novas classes. Em 2013 em um voo desgovernado, com a chamada O Brasil estragou tudo?“.
Parece que realmente nossa economia deu um “voo de galinha” (termo usado na matéria da The Ecomist) mas se fosse para fazer um cristo representando o E-commerce brasileiro hoje, ou melhor, o Digital Commerce teríamos a imagem de um Cristo aterrissando na Lua.

Você também vai gostar

Curiosidades sobre a Black Friday pelo mundo A Black Friday 2015 está batendo à nossa porta e os números prometem boas compras, apesar da crise que assola o Brasil. Por isso, se você tem sua loja...
Buscapé e Dafiti, sucesso no Comércio Eletrônico brasileiro O programa Conta Corrente, da Globo News, apostou nesta sexta-feira (17/5) em dois gigantes da internet: Dafiti e Buscapé. O programa, que contou com ...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>