• Fernando Mello
  • por Fernando Mello
  • Fernando Mello é sócio da GTC, agência de marketing digital. Trabalha com Internet desde 2001 e é um dos pioneiros no Brasil em termos de marketing de performance. É Bacharel em Ciência da Computação pela PUC-SP. Liderou campanhas de Performance para empresas como Yoki, Anador, Levi’s, Ultragaz, Unilever, Amanco, Gafisa, Hertz e outros. É membro do comitê de Search da ABRADi e professor na Faculdades Belas Artes, ESPM e Faculdade Impacta Tecnologia.

Dominar métricas de e-mail marketing pode aumentar as vendas da sua empresa

18 de abril de 2019
Share Button

Cerca de 2,6 mil e-mails marketing foram disparados pelo varejo brasileiro em todo o país, no mês de janeiro de 2019, segundo dados do E-mail Metrics.

O grande volume de campanhas enviadas ao consumidor também gera uma quantidade enorme de dados, que ao serem explorados de maneira correta podem se tornar grandes aliados na montagem da estrutura e conteúdo do e-mail, além de colaborar na estratégia de comunicação para ser uma forte aliada no relacionamento com o cliente.

E é este relacionamento com o cliente que é um dos principais recursos que uma empresa pode ter, porém, manter esse tipo de conexão é um dos maiores desafios. O e-mail marketing surgiu ao mercado como uma solução de exposição, comunicação e fidelização com o cliente, que pode resultar em melhores resultados nas vendas.

As campanhas de marketing digital têm como objetivo entregar aos consumidores informações, produtos ou serviços de acordo com suas preferências, gerando assim uma sensação positiva ao destinatário, que ao abrir o e-mail pode se deparar com uma lista que tem tudo a ver com suas necessidades.

Criar e manter o relacionamento com os clientes é um dos principais objetivos das empresas, pois essa conexão pode resultar em mais conversões. E qual empresa não gostaria de aumentar seu ROI?

Atualmente, as ferramentas de e-mail marketing disponibilizam vários tipos de relatórios com métricas para análise, no entanto, são centralizadas apenas ao disparo da sua marca e não ao que acontece no seu mercado. O grande desafio é entender os indicadores dos concorrentes e, assim, ter à disposição dados de Business Intelligence, que colocarão em xeque a efetividade de campanhas de e-mail marketing.

Por isso, trago quatro métricas que devem ser avaliadas e que podem ajudar profissionais de marketing, comunicação, designers, varejistas e empresas que buscam insights para melhorarem suas conversões:

Cores e layout

Vermelho, azul, rosa. Quais cores são mais utilizadas em campanhas de e-mail marketing e quais delas convertem mais?

Saber este tipo de informação ou ter acesso ao melhor formato de e-mail utilizado pode ser um grande aliado para o designer, por exemplo, que poderá ter dados efetivos e criar novas campanhas dentro do que mais converte. 

Palavras-chaves utilizadas

Você já ouviu falar em copy? Nada mais é do que a chamada ou texto de campanhas.

No e-mail marketing ela também é importante e não deve ser ignorada. Saber palavras-chaves que mais agradam consumidores também é um fator que pode melhorar a conversão de e-mails marketing e despertar o interesse do cliente pelo produto. “Frete grátis”, “Desconto”, “Só hoje” ou “off” podem ser fundamentais no e-mail marketing.

Horário de disparo

Divulgar um e-mail marketing pela manhã, a tarde ou a noite? Como saber qual é o melhor horário para conversão?

A taxa de abertura de campanhas pode mudar muito de acordo com o horário de disparo. Por isso, conhecer hábitos dos seus consumidores pode ser decisivo na hora da sua empresa vender mais.

Vale lembrar que o cuidado com esse cliente após a fidelização é primordial para que ele possa continuar sendo um consumidor, pois a experiência de compra diferenciada de um cliente pode atrair novos leads.

Melhores dias e horários para postar nas redes sociais

Categorias e produtos

Moda, eletroeletrônicos, automotivo. Segundo uma pesquisa do E-mail Metrics, em janeiro deste ano, moda foi o departamento que mais disparou campanhas de e-mail marketing no varejo, representando 21% dos produtos ofertados.

Ter listas segmentadas para fazer campanhas cada vez mais customizadas também podem aumentar a conversão de vendas.

Leia também:

Monitorar a concorrência pode fazer sua empresa vender mais

Você também vai gostar

A ciência por trás da taxa de abertura de email marketing (e com... Como medir o sucesso de suas campanhas de email? As chances são de que você meça o sucesso pelo número de pessoas que abrem o email (taxa de abertura...
Big data: as informações do seu site valem ouro Big data é o processo de armazenamento de um grande volume de informações com maior velocidade. Isso envolve etapas de análise, captura e curadoria da...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>