A metodologia de coaching pode ser decisiva na gestão do seu e-commerce

26 de dezembro de 2017
Share Button

Com a popularização do e-commerce nos últimos anos, a concorrência também aumentou nos mais variados nichos. Uma gestão eficaz pode ser o diferencial entre o sucesso e o fracasso da operação. O e-commerce é um modelo de negócio que começou no Brasil, de forma tímida, em meados dos anos 90 com alguns poucos players e foi se popularizando, conquistando o seu espaço.
Segundo um estudo realizado pelo portal Olhar Digital, o modelo de negócio já representa cerca de 33% do varejo nacional e a tendência é crescer ainda mais. Outro dado importante é o apresentado no relatório Webshoppers, produzido pelo Ebit, no qual aponta que o faturamento do mercado em 2015 foi de R$ 41.3 bilhões, já em 2016, após um crescimento de 7.4%, atingiu a marca de R$ 44.4 bilhões.
Mais dados do mercado:

Os números do mercado de E-commerce


Com a evolução da tecnologia em ritmo acelerado, o e-commerce também tem sido afetado positivamente. Para entendermos um pouco mais, é só olharmos para o passado:

O Fator Google

A gigante da tecnologia fundada em 1998 por dois estudantes de doutorado em Harvard ajudou (e muito) na propagação do e-commerce.
Afinal, como uma loja de calçados de bairro, e também com atuação online, seria encontrada em meio a esse imenso ecossistema sem o auxílio do Google?
De fato, existem outros buscadores, mas a participação do Google nas buscas, como um todo, está em torno dos 70% ou mais…

O Surgimento do iPhone

Em 2007, surgiu o iPhone, um dos smartphones mais populares do mundo desenvolvidos pela Apple, que tem de 1 a 2 versões lançadas por ano.
Um fato interessante é que o sistema operacional Android, o grande concorrente do iOS do iPhone, surgiu em 2003, cinco anos antes do primeiro iPhone. Porém, a popularização dos dispositivos móveis, ocorreu para valer, com o smartphone da Apple.
Perguntar qual o impacto dos dispositivos móveis no e-commerce é praticamente redundante, não é mesmo?
Entendendo a popularização desses aparelhos e a mudança do comportamento do consumidor digital, desde 2014 o Google passou a priorizar em suas buscas, sites perfeitamente adaptados para dispositivos móveis.

Se destacando em um mercado competitivo

A popularização de dados, como esses mencionados acima e a facilidade de iniciar uma operação online, tem feito muitos iniciarem uma operação online.
Saiba que grande parte dos e-commerces fecham as portas com menos de 3 anos de operação. Qual a principal causa desse problema?
A falta de organização.
Iniciar uma operação virtual não é uma tarefa simples, e tampouco é sinônimo de trabalhar menos. Os mesmos custos existentes numa operação física estão presentes no mercado online, mas de outra forma.
Mais sobre uma operação de e-commerce:

Operação de e-commerce: não durma nunca mais

Estruturando um planejamento eficiente

Para evitar um investimento malsucedido, é necessário fazer um planejamento bem estruturado. Isso o fará enxergar todos os custos, tanto diretos quanto indiretos, como é o caso da logística reversa, algo muitas vezes não planejado por quem está começando.
Se você tem dúvidas e não sabe por onde começar esse planejamento, saiba que um coaching pode ajudar. Essa metodologia pode te dar o apoio necessário para a sua empreitada. 

Planejamento e ação

O coaching é uma metodologia de desenvolvimento humano, pautada em metas, que são mensuráveis e tem uma data final para serem executadas.
Ao fazer um curso de coaching você aprenderá a estabelecer um plano de ação, para não ficar ancorado em seu próprio planejamento, e trabalhará sempre com o foco na solução de cada obstáculo que vier pela frente.
Muito mais que isso, a metodologia coaching trará a você os comportamentos necessários para ter e gerenciar um e-commerce de sucesso!

Você também vai gostar

E-commerce: não há mais espaço para amadores O e-commerce brasileiro passa por um período de amadurecimento e talvez não seja mais um ambiente propício para riscos e empreendedores “aventureiros”...
3 perguntas que você precisa se fazer antes de lançar uma startu... Será que você está pronto para empreender? Tudo vai depender da sua resposta a essas 3 perguntas Por Enrico Cardoso. Os empreendedores são solucionado...
Como falir seu e-commerce em 10 passos Passeando pelos diversos editoriais de negócios, economia e empreendedorismo disponíveis no vasto universo da Internet, não é difícil encontrar mensag...
Entenda o Video-On-Demand no E-commerce Video-On-Demand no E-commerce. O segmento de televisão no Brasil está passando por um processo de restruturação bastante interessante, seguimos as ten...
A regra 10/20/30 para apresentações de sucesso Por Revista PEGN. Você é do tipo que sua frio e passa noites em claro se precisa encarar uma apresentação em público? Saiba que não está sozinho. Vend...
3 lições que os diretores de marketing podem aprender com growth... Os diretores de marketing precisam incorporar os princípios do growth hacking. Aqui estão algumas lições úteis para isso Se você busca novidades em te...
Como encontrar o melhor modelo de negócios de e-commerce O ponto-chave para o seu sucesso começa com a definição do melhor modelo de negócios de e-commerce para você. Ter uma loja virtual que não tenha um mo...
5 dicas para o Dia das Crianças no seu e-commerce ser um sucesso... Faltando menos de um mês para o Dia das Crianças já está mais do que na hora de pensar em como alcançar esse público tão diversificado e importante, a...
Mesmo com dificuldades, E-commerce deve manter crescimento no Di... Crescimento que no ano passado foi de 38%, deve chegar à 8% este ano. SÃO PAULO (Reuters) - As vendas do comércio eletrônico brasileiro devem subir 8%...
Qual modelo de gestão de estoque é ideal para seu e-commerce? Se você possui uma loja virtual, então já sabe que um processo logístico bem organizado é indispensável para o crescimento sólido do seu empreendiment...

SEGREDOS DO E-COMMERCE

Receba as novidades toda semana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar essas tags HTML e atributos:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>