A experiência do cliente começa no momento em que o visitante chega até sua loja virtual e perpassa por toda a jornada de compra, até a fidelização. Se ele tiver uma percepção positiva neste trajeto, você terá um cliente satisfeito e propenso a voltar.

Caso contrário, terá perdido todos os seus esforços de marketing. Mas como promover essa satisfação sem saber o que seus clientes mais gostam? A resposta está no teste A/B.

Como funciona um teste A/B?

A ideia central do teste A/B é criar uma versão alternativa de uma página da sua loja virtual e verificar qual delas traz maior conversão. Você mantém sua página atual (A) e a página alternativa (B) no ar, cada uma sendo apresentada à mesma quantidade de pessoas.

Depois de um certo tempo de teste, que pode durar uma semana ou mil acessos, por exemplo, você saberá qual das páginas fez maior sucesso e trouxe mais clientes para o seu e-commerce. Depois disso, elegerá a melhor para manter ativa e descartará a segunda.

É importante que você saiba que você deve testar apenas um elemento de cada vez, para saber exatamente o que está mudando o comportamento dos consumidores. Você pode testar cores, botões, CTAs, menus, quantidade de imagens e texto, banners, entre outros elementos.

Como o teste A/B gera mais conversões?

Esta é a pergunta de ouro, e a resposta é: possibilitando que você conheça os elementos que atraem maior atenção dos seus consumidores. Ao realizar testes A/B, você passa a saber quais são as preferências do seu público em termos de design, conteúdo escrito, imagens, vídeos, quantidade de páginas e uma série de outras coisas.

Muitas vezes, a simples localização de um botão de compra pode ser o fator que está impedindo as conversões no seu e-commerce. Então você realiza um teste A/B para verificar outras possíveis localizações, visando entender como seu público pensa e age no momento da compra.

Como executar um teste A/B?

Imagine que sua loja virtual não conta com muitas conversões ultimamente, e que os consumidores abandonam o processo de compra justamente no momento de inserir os dados pessoais no cadastro. Isso significa que você tem um problema nesta etapa do checkout, correto?

Então você resolve reduzir de dez para cinco campos a serem preenchidos, visando verificar a adesão dos consumidores a esse novo formulário. Então você deixará sua página atual ativa e também colocará no ar a página modificada, exibindo-as aleatoriamente para os visitantes.

Depois de mil acessos ao seu site, você verifica um aumento de 10% nas conversões com o novo formulário. Isso quer dizer que o novo formulário ficou mais prático para o fechamento da compra e as pessoas gostaram. Então você deixa de utilizar o formulário antigo e passa a adotar o novo.

Existem ainda outros elementos que você pode ir testando, até encontrar a “fórmula perfeita” para o aumento das conversões.

Mas lembre-se que o comportamento dos consumidores muda constantemente, e o que faz sucesso hoje pode não fazer amanhã, por isso é fundamental que você mantenha um acompanhamento dos resultados e teste modificações continuamente para não deixar de conquistar clientes.

Muito mais sobre testes A/B:

Testes A/B – Uma metodologia que você precisa conhecer

Você já fez um teste A/B? Quais foram os resultados? E as mudanças implementadas, deram certo? Queremos saber sua opinião!

Profissional de E-commerce
Author

O blog Profissional de E-commerce foi criado em outubro de 2012 com o objetivo informar e capacitar o mercado de comércio eletrônico no Brasil.

Write A Comment